Arquivos do Blog

Thammy Miranda, filha de Gretchen, diz que retirou os seios porque a incomodávamos sinto feliz!” Thamy é um caso típico de transexualismo, apesar de ter o corpo de mulher, sua cabeça é de um homem. Julguemos menos, Não nos custa nada. Aqui Você encontrará tudo sobre o que é ser um transexual. Oferecimento: Viril Energy Plus Turbo- O Ultra Viril

2014-12-16 12.36.46Ainda em recuperação, Thammy Miranda contou detalhes sobre a cirurgia realizada para a retirada de seus seios, há cerca de dez dias, no Hospital São Luiz, em São Paulo. A atriz, que é homossexual, contou que sentiu muita dor após a operação. Além disso, aproveitou a ocasião para também fazer lipoaspiração no abdômen. “Fiz uma mamoplastia redutora e também aproveitei que estaria lá e fiz uma lipoaspiração na barriga.

Foi uma operação de mais ou menos cinco horas, mas foi tranquila. O pós-cirúrgico foi bastante dolorido. Eu fiquei com um dreno no peito. Só retirei ele essa semana e agora que as coisas começaram a melhorar. Comecei as sessões de drenagem e daqui pra frente é vida normal. Já terminei os antibióticos que estava tomando. Terei que ficar 30 dias com cinta modeladora e aguardar a total cicatrização, que por enquanto está ocorrendo de forma bem bacana”, relatou ao “Ego”.

A filha de Gretchen confessou ainda que tomou a decisão de se submeter aos procedimentos cirúrgicos por não se sentir completamente feliz com o corpo.”Eu iniciei a minha carreira dançando com a minha mãe e sendo completamente feminina. Mas nunca foi a forma que eu me sentia bem. Você ser transexual é realmente estar num corpo errado. Isso requer um tempo pra você entender e saber o que está acontecendo, não é tão fácil e tão simples”, explicou.

E acrescentou: “Talvez se na minha infância, quando eu queria andar de bermudão, cortar o cabelo e fazer coisas de menino, minha mãe e meu pai tivessem percebido e entendido, talvez eu não tivesse sofrido tudo isso e não estaria passando por uma cirurgia agora, aos 32 anos. Talvez eu já estaria vivendo como um menino há um tempo. Mas enfim, foi assim que aconteceu.

A artista disse que os seios eram um incômodo e que, apesar das dores, ela está gostando do resultado. “Estou bem satisfeita agora, não pretendo mudar mais nada. Me incomodava e hoje me sinto feliz. Ao contrário do que dizem, não quero virar um macho e colocar um pinto também. Não vou colocar órgão sexual masculino”. Thammy parou com as cirurgias para mudar o corpo, mas alertou que pode voltar ao centro cirúrgico, caso sinta necessidade no futuro. “Sociedade nenhuma vai impor o que eu devo fazer ou não. O que impõe é o meu bem-estar e a minha felicidade”, completou.

 

2014-12-16 12.45.10

Tratando do transexualismo com veracidade, a autora demonstra haver bem mais que mera exclusão social. Ao caracterizar como ofensa à dignidade dos transexuais a ausência de legislação específica, pois, é fator impeditivo ao exercício de alguns direitos.

AVE BRASILHá, sabidamente, defesa normativa conforme se verifica no artigo 13 do Código Civil de 2002, que proíbe ao indivíduo que faça disposições do próprio corpo, quando isto importar em diminuição permanente da integridade física, ou contrariar os bons costumes, salvo por exigência médica.
Assim, com severidade, a nova lei proíbe, por exemplo, todos os atos de disposição do corpo, mediante pagamento, e que reduzam a integridade física do indivíduo ou que contrariem os bons costumes, o moral ou a decência, tendo uma proteção direcionada mais precisamente à comercialização de órgãos.
No entanto, precisamos, a priori, compreender qual é o exato significado que o legislador emprestou ao termo: “bons costumes”, e ainda, contemplar qual a extensão contida na restrição que o artigo 13. Que acaba por sugerir que sejam evitadas intervenções cirúrgicas de mero cunho estético, ou com o fito de coibir a alteração do sexo, bem como a mudança do registro civil para aqueles que tenham realizado tal cirurgia, muitas delas no exterior.
Subsiste para nós, a realidade de que ainda há muita controvérsia sobre o “direito” de mudança do prenome àqueles que se submetem ou já se submeteram a tal cirurgia, em que ocorre uma inversão da identidade psico-social, derivada da liberdade de expressão do potencial sexual por cada um de nós desenvolvido.
A questão do transexualismo, de pronto, nos remete a algumas indagações: A ausência de legislação específica não implica em abstenção de tutela estatal? E, a ausência de tutela jurídica não resulta em limitação à Integridade existencial? E, estar privado de inteireza não retrata diminuição do indivíduo? E não é sabido, que toda diminuição do indivíduo resulta em ofensa à dignidade [1] humana? Por fim, não está expresso na Constituição Federal o zelo estatal pela dignidade humana? Pois é…! Deixemos de lado, por ora, estas questões, embora, permaneçam ávidas por respostas.
Em 1997, durante o XV Congresso Mundial de Sexologia, ocorrido em Hong Kong (CHINA), entre 23 e 27 de agosto, a Assembléia Geral da WAS – (World Association for Sexology), aprovou as emendas para a Declaração de Direitos Sexuais, decidida em Valência, no XIII Congresso Mundial de Sexologia, e assim, definiu-se:
“Sexualidade é uma parte integral da personalidade de todo ser humano. O desenvolvimento total depende da satisfação de necessidades humanas básicas, como desejo de contato, intimidade, expressão emocional, prazer, carinho, amor. AVE BRASILSexualidade é construída através da interação entre os indivíduos e as estruturas sociais. O total desenvolvimento da sexualidade é essencial para o desenvolvimento individual, interpessoal e social” – “Os direitos sexuais são direitos humanos universais baseados na liberdade inerente à dignidade e igualdade para todos os seres. Saúde sexual é um direito fundamental, então, e por esta razão, saúde sexual deve ser um direito humano básico. E para assegurarmos que todos os seres humanos e a sociedade desenvolvam uma sexualidade saudável, os direitos sexuais devem ser reconhecidos, promovidos, respeitados, defendidos por todas as sociedades e, de todas as maneiras. Saúde sexual é o resultado de um ambiente que reconhece, respeita e exercita os direitos sexuais”.
Também em 1997, o Conselho Federal de Medicina baixou resolução sob nº 1.482, autorizando cirurgias em transexuais em regime científico e experimental, exigindo prévio diagnóstico e tratamento por dois anos [2]. Todavia, tal resolução foi revogada pela Resolução sob nº 1.652/02, que reitera a medida de autorização às equipes médicas para procederem tais intervenções cirúrgicas desde que haja cumprimento dos critérios éticos, materiais e psíquicos exigidos. [3]
Desde 1995, tramita no Congresso Nacional, o Projeto de Lei 70/95, do deputado José Coimbra (PTB/SP), que altera o Código Penal brasileiro, excluindo a criminalidade típica da lesão corporal nos casos de cirurgia para fins de ablação de órgãos e partes do corpo humano. O mesmo projeto também altera o artigo 58 da Lei 6.015/73, permitindo a mudança do prenome, mediante prévia autorização judicial, nos casos de alteração cirúrgica de sexo.
Embora, modernamente, tantos falem sobre o transexualismo, poucas pessoas compreendem o que este fenômeno que é nomeado pela comunidade médica como “disforia”, realmente representa, e ainda, quais são as conseqüências avassaladoras que exerce sobre a personalidade do indivíduo.
O que é o transexualismo? O Doutor Magnus Hirshfield introduziu o termo “transexual” em 1924 para designar o indivíduo em que ocorre uma distinção sexual entre a mente e o corpo, porque a mente e o corpo possuem sexos opostos, ou seja, a pessoa tem um “sexo biológico” e outro “psíquico”. Posteriormente, o endocrinologista Harry Benjamin usou o termo em um artigo (1954) para o Jornal Americano de Psicoterapia [4], porém, foi em 1966, quando publicou o livro “O fenômeno Transexual”, [5] foi que o termo passou a ser difundido e verificado com freqüência na literatura médica. E, neste livro, o Dr. Harry Benjamin, conclui suas pesquisas dizendo: “É evidente que a mente do transexual não pode ser ajustada ao corpo, é lógico e justificável tentar o oposto, ajustar o corpo à mente”. Tempos depois, surgiu no mundo médico uma outra definição, esta também de caráter objetivo, dita pelo Dr. Carles L. Ihlenfeld: “No transexualismo, o indivíduo sente que nasceu com o corpo errado”. [6]
AVE BRASILHoje, por “Transexualismo” entende-se a condição clínica em que se encontra um indivíduo biologicamente normal e, que segundo sua história pessoal e clínica, e segundo o exame psiquiátrico, apresenta sexo psicológico incompatível com a natureza do sexo somático. Portanto um indivíduo que se encontra nesta condição tem uma auto-imagem invertida e, por isso se sente diferente (espécie/gênero), daquilo que fisicamente o representa (sexo/órgão), e isolado por esta disparidade, necessita se afirmar socialmente, inclusive em seu papel sexual, como pertencente ao sexo oposto.
Vimos que o Transexualismo tem sido tratado tão-somente como uma anomalia, embora, hoje esteja bem caracterizada e conhecida, e ainda, claramente distinta de outros fenômenos de intersexualidade, como o homossexualismo e o transvestismo. Entende-se por transexualismo uma inversão da identidade psico-social, e, que conduz a uma neurose reacional obsessivo-compulsiva; que se manifesta pelo desejo de reversão sexual integral. [7]
O Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais, 4ª edição, DSM-IV, da Associação Americana de Psiquiatria, estabelece os seguintes critérios para diagnóstico do transtorno da identidade de gênero (transexualismo): a) Uma forte e persistente identificação com o gênero oposto (não meramente um desejo de obter quaisquer vantagens culturais percebidas pelo fato de ser do sexo oposto). Em adultos, o distúrbio se manifesta por sintomas tais como desejo declarado de ser do sexo oposto, passar freqüentemente por alguém do sexo oposto, desejo de viver ou ser tratado como alguém do sexo oposto ou a convicção de ter os sentimentos e reações típicas do sexo oposto; b) Desconforto persistente com seu sexo ou sentimento de inadequação no papel de gênero deste sexo. Em adultos, o distúrbio manifesta-se por sintomas tais como preocupação em ver-se livre de características sexuais primárias ou secundárias (por exemplo, solicitação de hormônios, cirurgia ou outros procedimentos para alterar fisicamente as características sexuais, com o objetivo de simular o sexo oposto) ou crença de ter nascido com o sexo errado; c) A perturbação não é concomitante com uma condição intersexual física; d) A perturbação causa sofrimento clinicamente significativo ou prejuízo no funcionamento social ou ocupacional ou em outras áreas importantes da vida do indivíduo. [8]
Como é cediço, não há no Direito Positivo brasileiro, norma que autorize a alteração do sexo no registro civil, quando sua necessidade surge não de mero erro ocorrido na lavratura do referido assento, e sim, de uma transmutação sexual, ou seja, por uma compulsão de comportamento diverso do sexo anotado em seu registro. E, desta forma, vemos que, o indivíduo se vê fadado a “ser” aquilo que a definição genética e aparente de seu órgão genital represente para a sociedade. A Jurisprudência recente tem entendido que se trata de anomalia, devendo, portanto, ser respeitada a definição sexual originária. [9]
AVE BRASILMas, as coisas não são e nem podem pautar por critérios tão imediatistas ou, sustentados somente pelas crenças obtidas junto ao senso comum. Muito embora, Jacques Maritain tenha demonstrado que o senso comum, ainda que infracientífico, é mais universal que aqueles advindos das ciências, tendo mesmo um certo valor metafísico, ao passo que alcança o mesmo objetivo passível e possível de ser alcançado também pela metafísica, quando extraímos do cerne deste senso comum uma filosofia primeira, um esboço natural, poderoso e ingênuo, e com isto, observamos que são por ele desenhados os movimentos e instintos espontâneos da razão. [10]
Talvez, por isto, a lei deve acompanhar a evolução social e científica, ainda que coincidentes com o senso comum, pois, que, senão não cumprirá seu papel de sanar os conflitos existentes. John Money e Patrícia Tuccker, nos idos dos anos da década de cinqüenta introduziram um conceito denominado: “Identidade de Gênero”, e a descreveram da seguinte forma:
“Como a identidade genérica se diferencia antes que a criança possa falar sobre ela, se supunha que era inata. Porém, não é assim. Você nasceu com algo que estava preparado para ser mais tarde sua identidade de gênero. O circuito já estava impresso, porém a programação não estava estabelecida, como no caso da linguagem. Sua identidade de gênero não podia diferenciar-se e nem chegar a ser masculina ou feminina sem estímulo social…” [11] (tradução nossa)
Observamos, portanto, na exposição feita por Money e Tuccker, que a obtenção da identidade de gênero não se dá escolhas pessoais, voluntárias, tampouco, exercidas com arbítrio, é sim, uma conseqüência factual, uma realidade individual obtida por estímulos e influências internas, psíquicas e até orgânicas, bem como, pelas externas, ou seja, há uma concomitância de influências, porém, seria absurda a idéia de determinar responsabilidades por esta disparidade entre o gênero físico e o gênero mental. Não existem culpados pelo fenômeno da transexualidade, o que há é um indivíduo que sob um aspecto a mais, se distingue da coletividade comum, porém, sabemos que todo indivíduo é único, e toda individualidade deve ser respeitada. Daí porque, tachar o transexualismo como “anomalia”, data vênia, a jurisprudência neste sentido, nos parece querer doar um sentido mórbido e doentio, quando na verdade, não o é.
Pesquisa recente mostrou que cada um de nós sabe que possui uma porção hormonal (macho) e uma outra (fêmea). Mas, apesar disto, temos a compreensão de nosso próprio gênero, porém, isto significam, que sabemos que apesar de nossos hormônios, somos femininos ou masculinos. Porque isto diz respeito ao nosso modo de sentir, e isto difere e não se confunde com o nosso sexo biológico, porque esta identidade com o gênero pode na ocasião ter pouco ou nada em comum com o sexo biológico do indivíduo. Para a maioria de indivíduos (não-transexuais), estas variações pequenas na identidade absoluta do gênero adicionam o interesse humano a sua personalidade. Tipicamente estes indivíduos não experimentam nenhum imperativo psicológico ou biológico para mudar qualquer coisa. Entretanto, para esse grupo dos indivíduos que são os “transexuais” há algo que nega a habilidade de experimentar seu sentido interno de gênero, porque há disparidade entre o sexo biológico e da identidade do gênero, e isto, é freqüentemente devastador. Sem tratamento, é comum que estes indivíduos vivam suas vidas inteiras em um estado crônico de ansiedade de tornar-se integrado, numa integração íntima e interior, porque envolve corpo e a mente, e ao mesmo passo, influencia na forma em que o indivíduo externa sua personalidade, modificando seu convívio social.
Em termos clínicos, isto é sabido como um estado de disforia; que significa um estado de percepção mental do próprio gênero como diferente do biológico, ou seja, a percepção mental reconhece ao indivíduo um sexo oposto àquele possível de ser visualizado pela anatomia física normal, noutras palavras, o gênero (masculino ou feminino) reconhecido pela mente, não é o mesmo observado fisicamente (genitália). Se a disforia for severa bastante, ou seja, uma condição de percepção permanentemente alterada, os indivíduos podem tornar-se suicidas, em razão de uma compressão crônica a respeito de própria identidade que é incapaz de funcionar em uma maneira normal. Dado a natureza inalterável imprimida pela aparente identidade sexual divergente. [12]
AVE BRASILConscientes de que, o transexualismo é problema psico-biológico enfrentado por uma parcela de indivíduos, e ainda que, por uma parcela pequena da sociedade, e, não pode por isto, sua solução ser considerada insignificante, ou, seu grau de importância ser minimizado. Razão pela qual, deixamos pairar algumas indagações: Estaria a sociedade apta a decidir à qual sexo pertence um indivíduo? A aparência da anatomia genital basta, para a definição do sexo a que nós pertencemos? Estariam os Tribunais diante do cumprimento da estrita legalidade, quando negam ao indivíduo o direito de adequação de seu nome ao sexo obtido por meio cirúrgico?
Resta-nos a certeza de que é preciso que a sociedade aprenda a lidar com o “transexualismo” com naturalidade, com a mesma naturalidade com que ele ocorre. E que isto requer, que o Estado, no que corresponde aos interesses sociais, por meio normativo, ampare este grupo de pessoas, pois, também são credores de direitos individuais e de personalidade. Segundo Antônio Chaves “Lamentavelmente nossas leis, costumes, tradições não têm um mínimo de compreensão, tolerância e consideração para aqueles que a natureza ou a vida criou uma situação esdrúxula, paradoxal, dissonante quanto à perfeição de sua sexualidade, condenando-os inexoravelmente a uma vida miserável dentro do mais aviltante dos ostracismos.” [13]
Desta forma, concluímos, cientes de que uma crise de identidade [14] é só um sintoma, um efeito. Portanto, alerta-nos a causa, que deixa de ser um “problema” individual, passando a ser social e de interesse público, na justa medida em que o “ser” é elemento de composição da sociedade na mesma proporção em que o cidadão é parte integrante do Estado. O que torna a “Identidade” é um processo que visa alcançar a inteireza humana, por isto, implica em reciprocidade e reconhecimento. Resulta em uma relação de “Poder” (existencial), através da qual o ser humano busca histórica e dialeticamente a emancipação, cabendo às normas jurídicas ser o instrumento “meio” passível de efetivamente proporcionar o alcance de tal “fim”.
[1] “… a dignidade se traduz em proteção, elevação e aumento do ser humano. E qualquer forma de violação da dignidade humana se caracteriza como ilícita. E, desta forma, quando comprovada qualquer ofensa à dignidade do indivíduo, esta deve ser entendida e caracterizada como delito, tanto quanto os cometidos contra a honra, e já previstos nos Código Penal brasileiro, artigos 138 “usque” 145, posto que, a definição de crime em seu aspecto material é: “Ato humano que lesa ou expõe a perigo bens juridicamente tutelados […] Reiteradamente, abstrata, a dignidade é um valor intrínseco, porém, representativo da figura humana. Compreendida como um sentimento profundo das conveniências da posição social e o cuidado com que se evita tudo que possa enfraquecer o respeito a que se tem direito”. CARMO, Suzana J. de Oliveira. Cabeça, tronco e membros, mais: dignidade e honra. DireitoNet, São Paulo, 25 fev. 2004. Disponível em:
http://www.direitonet.com.br/artigos/x/14/85/1485/
[2] Preâmbulo da Resolução 1482/97 – CFM – O Conselho Federal de Medicina, no uso das atribuições conferidas pela Lei nº 3.268, de 30 de setembro de 1957, regulamentada pelo Decreto nº 44.045, de 19 de julho de 1958 e, CONSIDERANDO a competência normativa conferida pelo artigo 2º da Resolução CFM nº 1.246/88, combinado ao artigo 2º da Lei nº 3.268/57, que tratam, respectivamente, da expedição de resoluções que complementem o Código de Ética Médica e do zelo pertinente à fiscalização e disciplina do ato médico; CONSIDERANDO ser o paciente transexual portador de desvio psicológico permanente de identidade sexual, com rejeição do fenotipo e tendência à auto mutilação e ou auto-extermínio; CONSIDERANDO que a cirurgia de transformação plástico-reconstrutiva da genitália externa, interna e caracteres sexuais secundários não constitui crime de mutilação previsto no artigo 129 do Código Penal, visto que tem o propósito terapêutico específico de adequar a genitália ao sexo psíquico;CONSIDERANDO a viabilidade técnica para as cirurgias de neocolpovulvoplastia e ou neofaloplastia; CONSIDERANDO o que dispõe o artigo 199 da Constituição Federal, parágrafo quarto, que trata da remoção de órgãos, tecidos e substâncias humanas para fins de transplante, pesquisa e tratamento, bem como o fato de que a transformação da genitália constitui a etapa mais importante no tratamento de transexualismo;CONSIDERANDO que o artigo 42 do Código de Ética Médica veda os procedimentos médicos proibidos em lei, e não há lei que defina a transformação terapêutica da genitália in anima nobili como crime…

Sabe o que é Viril Energy Plus Turbo- O Ultra Viril?

2014-12-16 13.30.41

1°- O que havia no Tradicional Viril Energy Plus Turbo continua a ofercer os mesmos benefícios. Veja:
IMG_3198
AGORA VEJA O QUE FOI ULTRA-TURBINADO PARA VOCÊ!
IMG_3199

Toda Mulher Gosta de um Pênis:
Grande
Grosso
Firme
Duro
Que Demore a Gozar
Gosta de se sentir Desejada
Isso é Viril
Viril Energy Plus Turbo – O Ultra Viril
Acesse agora:
http://www.brasillyzzy.com.br e fale com um de nossos mais de 300 atendentes on-line.
Se Preferes tirar uma dúvida Rápida pelo WhatsApp: (85) 8874-8787
Se Preferes por e-mail:
virilenergy@gmail.com
Prefere SKYPE: SAC BRASIL LYZZY
Ou por quaisquer dos telefones abaixo:

2014-12-11 10.40.47

Anúncios

Stress ou o Paulistano é Fresco? Qual a sua opinião quanto ao fato de pesquisa detectar que os mesmos detestam o som do WhatsApp? Escreveram para a Empresa e querem som de Flauta. Com você de outro estado da federação acontece o mesmo… Opine…

2014-11-23 21.55.55Interatividade Total Na reportagem sobre Stress ou frescura do paulistano.

Mais de 100 pessoas ganhando apenas por responder o que pensa sobre.

Em Fim, lançado o “No cÚidando” com Prazer- Sexo anal prazeroso para quem quiser sentir so prazer.

Confia os sorteio que acontecerão, as datas, e a resposta sua à pergunta que deve ser respondida ao endereço: meuprazersexual@hotmail.com.br As respostas serão válidas até o meio-dia. às 7:00 os vencedores receberão uma carta, com discrição.

Proponho a você que acompanha os mais de 100 Blogs pertencentes ao Grupo YOU AND I e mais de dez sites, uma Web mais interativa, mais expressiva, que possamos teu uma noção mais brasileira sobre as coisas do que típicas de determinado Estado ou Região. Assim, quero ouvir você Paulista, Você de todo o País sobre o som do WhatsApp? Ele é tão insuportável assim ou isso ocorre em São Paulo por serem mais estressados? Mais Frescos (Fresco não no sentido pejorativo, mas no sentido de levar pequenas coisas a serio demasiadamente. Comente. Sua participação é Fundamental e Vale prêmios em Sorteio às 19:00 de Sexta – Feira, 28 de Novembro de 2014. Você concorrerá a:

Um Tratamento Completo Para Homens mais cobiçado Pelos Homens, o Novo viril Energy Plus Turbo O Ultra Viril, Concorrera, para você mulher o tratamento com ES Femely- O Estimulante Sexual da Mulher Satisfeita. Concorrerá a 50 No cuidado com prazer é mais gostando. O primeiro produto que não adormece e de fato tora a relação sexual anal possível e muito Gostosa para a mulher e para os Homossexuais. Veja que apenas por externar sua opinião você, de cara está a concorrer a mais de 10.000,00. E não há como ninguém ganhar. As melhores respostas serão as escolhidas.

Preços:

Do Viril Energy Plus Turbo, O Ultra Viril- R$ 5992,0 (Tratamento Completo)

Do Es Femely- O Único estimulante Sexual Verdadeiro. Tratamento 6 meses: R$ 2.396,00- Mulher que se deita sem gozar não sabe o que é viver.

100  frascos do “No CÚidando é Mais Gostoso, Sexo anal sem anestesia, sem dor, somente com prazer. Cada Frasco custa R$ 149,00, mas comprando três sai a R$ 99,00 cada. Quantos Homens procuram outras mulheres pelo sexo anal? Quantos homossexuais sofrem com o sexo anal. Isso Chegou ao Fim. Prazer e dor, nada Haver. Serão 100 “No cÚidando Anus de prazer…. Valor R$ 14.900,00

Total em prêmios, somente por responder o que você acha da reclamação dos Paulistanos, legal, não… Interaja… Critique. Questione… Ser impassível é uma “não ação” que é uma atitude, ou seja, ação.

2014-11-23 23.11.20Ruídos causados por troca de mensagens no celular irritam paulistanos
Pense num som irritante: alarme disparando “atenção, este veículo está sendo roubado”, buzina de motos pedindo passagem, caixa-d’água enchendo de madrugada ou zumbido de pernilongo dando rasante na orelha.
A lista de barulhos urbanos que incomodam os paulistanos ganhou mais um reforço: o ruído da vez é aquele emitido no troca-troca de mensagens pelo celular em SMS ou em aplicativos.
“O som do WhatsApp lembra um apito de trem infantil. Só que de meigo não tem nada”, descreve a confeiteira Giuliana Cupini, 39, que, há 20 dias, surtou por causa de um barulhinho desses.
Com os olhos na massa do bolo e as mãos na tela do smartphone, ela respondia a uma sucessão de mensagens dos seis grupos dos quais participam cerca de cem amigos, cada uma delas avisada por um daqueles sinais sonoros.
“O som do WhatsApp lembra um apito de trem infantil”, diz a confeiteira Giuliana Cupini, 39, que surtou por causa do barulhinho
Para piorar a situação, as pessoas do outro lado da linha dividiam as frases em palavras, enviadas separadamente, o que gerou um “baita apitaço” e acabou de vez com a paciência de Giuliana.
Num surto de fúria high-tech, arremessou o iPhone 4S para longe da cozinha. Ele caiu de quina. No impacto, o canto inferior direito quebrou, e a tela estilhaçou-se.
No dia seguinte, circulou entre os funcionários de sua empresa um regulamento interno, que proíbe o uso de aplicativos com o volume ligado durante o expediente.
2014-11-23 23.16.51Em São Paulo, onde as pessoas vivem no limite da explosão, o simples barulho do envio de mensagens do celular pode funcionar, segundo o psicanalista Jorge Forbes, como “uma gota d’água no desencadeamento do ódio”.
Forbes diz que as pessoas não querem perder nada e, por isso, sentem a necessidade de estarem conectadas a todo momento até mesmo quando estão num restaurante, no cinema ou numa reunião. “Mas essa conexão nos torna escravos da expectativa. Isso porque a distância que separa o ‘estar ligado’ do vigiar é muito tênue e preencher a expectativa do outro desencadeia angústia.”
Diante do crescimento dos smartphones no Brasil, país com 128 milhões de linhas 3G e 4,1 milhões de 4G, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações, o apito encontra espaço para proliferar.
FLAUTAS E SAGUIS
Estima-se que ao menos 38 milhões de brasileiros usem o aplicativo de mensagem WhatsApp, que se tornou, nas palavras do empresário Antônio Henrique Afonso Júnior, 51, o “novo Facebook”. Ele pegou birra do ruído.
Mantém o som do aparelho desligado e o celular de bruços. “Quando aquele símbolo verdinho aparece, é uma tentação”, diz o empresário, que participa de uma dezena de grupos, que reúnem 200 pessoas, entre amigos, familiares e equipes de trabalho. “O WhatsApp está criando a geração do senso de urgência, como se todas as mensagens requeressem uma solução imediata. Ainda mais agora com o recurso que avisa quando elas são lidas.”
Da padoca ao cinema, da firma ao restaurante, o som está ao redor. Em uma apresentação de mímica, arte na qual o silêncio contribui para a performance, o “apito do trem infantil” colocou Alessandro Azevedo, 46, numa saia justa no momento em que ele incorporava seu personagem, o palhaço Charles, num sarau, em Pinheiros. “Teve gente que achou que o barulho do WhatsApp fazia parte do espetáculo”, lembra. “Na verdade, quebrou a expectativa, o clima”, diz ele.
Barulho do WhatsApp atrapalhou o ator Alessandro Azevedo, 46, durante um espetáculo
O fato ecoou no seu dia a dia. Hoje, até mesmo um celular vibrando o incomoda. Sugere que o “muoommm” do WhatsApp seja substituído pelo som de uma flauta.
Paraibano da pequenina Puxinanã, cidade com 13 mil habitantes, ele confessa que anda incomodado demais com a sonoridade incessante da mais barulhenta entre as metrópoles brasileiras.

Na casa onde mora, na Vila Madalena, há um quintal apinhado de árvores, muitas delas frutíferas, que acolhem pássaros e até saguis. Lá promovem um outro tipo de barulheira. Desta, os ouvidos do palhaço acham graça.

 

Mais nova Pesquisa IBOPE/PROSEX mostra a Liderança absoluta do Novo Viril Energy Plus Turbo- O Ultra Viril, assim como o repúdio às farsas importadas, e aos remédios Viagra, Levitra e Cialis, Responsáveis por dezenas de milhares de Morte no brasil. Último caso que repercutiu foi do ator José Wilker.

2014-11-17 16.00.31Pesquisa Ibope/ PROSEX mostra que o CEO Brasil Lyzzy estava completamente correto. O Novo produto já é líder do segmento, propiciando à Brasil Lyzzy a liderança incontestável de seus produtos no segmento sexualidade masculina, com o Novo Viril, O Ultra viril, e com o antigo viril Energy Plus Turbo. Análise mostra porque Viagra, Levitra e Cialis despencaram.

Como será visto na Tabela abaixo, após ser contestado por muitos em lançar um produto com a Fórmula aperfeiçoada do Viril Energy Plus Turbo, ou seja o Ultra- Viril, a Pesquisa Ibope/ PROSEX mostra que o CEO Brasil Lyzzy estava completamente correto. O Novo produto já é líder do segmento, propiciando à Brasil Lyzzy a liderança incontestável de seus produtos. Confira!
Veja a lista dos Dez Produtos mais vendidos no País, juntamente com o seu ISC – Índice de satisfação do Cliente:
1°- Lugar- Novo Viril Energy Plus Turbo, o Ultra Viril Com 22%- ISC 100%
2°- Lugar- Viril Energy Plus Turbo com 15 %.ISC 100%
3°- Lugar- Sex Explosion Power Extreme 11% ISC de 84,9%
4°- Lugar- PD Composto For MAN – Complexo Sexual Lyzzy com 7%. ISC de 81,1%
2014-11-12 19.23.175°-Lugar –CS Onlyzzy com 6%. ISC DE 76,6%
6°- Lugar – Tribulus Terrestris Scientific com 5% ISC 72,2%
7°- Lugar- Gera- Sex com 3% ISC de 43%
8° – Lugar – Sex Ativ Com 2% ISC de 19%
9° – Lugar- Sidenafil – Princípio ativo do Viagra com 1,5 ISC de 4%
10º- Lugar – Tadalafil – Princípio ativo do Cialis. Com 1,0 ISC de 9%
11° Lugar – Pramil – Princípio ativo Sidenafil 0,5% ISC de 4%
12º Lugar – Viagra com 0,3%. ISC de 4%
Centenas de outros produtos mencionados 25,7%

ISC- Índice de satisfação do Cliente.

clip_image002_thumb[3]

Leitura Das Siglas:

2014-06-02 19.15.48UV- Novo Viril Energy Plus Turbo- Ultra Viril

VEPT- Viril Energy Plus Turbo

SEPE- Sex Exxplosion Power Extreme

PD COMP- PD Comosto For Man

CS Onlyzzy – Complexo Sexual Onlyzzy

TTSL- Tribulus Terrestris Scientific Lyzzy

GERA-SEX- GERA-SEX

SEX ATIV- SEX ATIV

SIDENAFIL- SIDENAFIL

VIAGRA-VIAGRA

TADALAFIL- TADALAFIL

DEMAIS J- Todos os Demais Produtos Juntos do mercado.

Com vocês a conclusão de Ângelo Gomes da PROSEX ao responder às perguntas:
UOL NA NET: O que mais lhes chamou a atenção nessa última pesquisa Ibope PROSEX?

2014-11-17 09.56.55R= A Grande surpresa foi a aposta ousada do Presidente da Brasil Lyzzy que, já possuindo o melhor produto para Disfunção Sexual Erétil apostou no aperfeiçoamento da Fórmula, um grande aperfeiçoamento, e com o Novo Viril Energy Plus Turbo, o Ultra Viril assume a liderança que antes lhes pertencia com o Viril Energy Plus Turbo, ambos da mesma Empresa, ambos para o mesmo segmento. Essa, ao meu ver é a de todos que apostávamos nos bastidores, surpreendeu-nos mostrando o quão perspicaz e ousado é Romulo Albuquerque. Eu não acreditava que ele conseguisse. Sem mexer com a grande mídia? Sem tirar seu antecessor do Mercado? Ele está de parabéns.
UOL NA NET:O que o senhor pode dizer que já esperava?
R=A queda vertiginosa dos Vasodilatadores como Viagra, Levitra e Cialis, e suas substâncias, o Sidenafil, TADALAFIL e Verdenafil. Muitas mortes de infarto chamam a atenção. Recentemente no Brasil a morte de José Wilker abalou muitos que consumiam esse tipo de substância. Isso é fantástico, pois a dependência dessas substâncias se dá de forma rápida, levando, a médio prazo o indivíduo a impotência total.
UOL NA NET: O que esperar nessa reta de Final do Ano?
R= A consolidação do que acima está. Diria que o Novo Viril Energy Plus Turbo,mó Ultra Viril, cresça, pois é infinitamente superior ao Viril Energy Plus Turbo, mesmo sendo um pouco mais caro.

Escreva Agora: virilenergy@outlook.com

2014-10-23 18.33.02Ligue Nos telefones ao lado, ou acesse, agora, o site http://www.brasillyzzy.com.br e fale com atendentes on-line.

WhatsApp- 85 8874-8787

Escreva: sacbrasillyzzy@outlook.com.br e descubra produtos que o levará a sentir e proporcionar o êxtase a qualquer mulher.

Para Ser mais Um cara, Se você pode ser “O cara”?

Buscamos sim, a perfeição, admitir isso é errado?

Quero viril:

virilenergy@outlook.com, atendentes on-line direto do site.

Site: www.brasillyzzy.com.br

Stress ou o Paulistano é Fresco? Qual a sua opinião quanto ao fato de pesquisa detectar que os mesmos detestam o som do WhatsApp? Escreveram para a Empresa e querem som de Flauta. Com você de outro estado da federação acontece o mesmo… Opine…

Maior Salário de todos os tempos da Fórmula 1 , recebendo Novo contrato com a Ferrai de R$ 200.000 (duzentos milhões de Reais), passando a ser o terceiro atleta mais bem pago do mundo, Matias. Com salário de R$ 200 milhões por ano, Vettel assina

Cama- O que Renata Vasconcelos, Patrícia Poeta e Fátima Bernardes Têm em comum? As três apresentaram e uma delas ainda está na Bancada com o Todo Poderoso Editor Chefe William Bonner. A verdade por detrás dos fatos. Necessito que vocês curtam para que possa publicar mais postagens como essa. Surpreenderá você. Oferecimento: ES Femely- Pelo direito das mulheres terem orgasmos intensos, múltiplos, duplos, infinitos…

2014-11-06 12.32.53

 Talentosas e/ou Boas de Cama?

Antes de adentrar à reportagem: “Talentosas e/ou Boas de Cama?” quero ressaltar ser esse artigo contrario às orientações do Supervisor Geral de Conteúdo Dr. Rômulo Soares Albuquerque. Aqui se tem liberdade de fato e se pode ascender sem ter que ir para cama com ninguém. Eu,Juliana Godói, como jornalista e mulher me sinto à vontade para comentar o caso, mais um episódio ridículo da Rede Globo de Alienação.

Briga de Gigantes

Mas se você acredita que Patrícia Poeta chegou à bancada por puro talento, também se engana. Claro que a mesma tinha que vir da cama de algum diretor, supervisor, pessoa influente da Rede Globo.

Renata Vasconcellos estreou no “Jornal Nacional” na segunda

A vida da apresentadora Renata Vasconcellos anda bastante corrida nesta semana. Além de voltar a bater o ponto diariamente na TV Globo por ter assumido a bancada do “Jornal Nacional”, a jornalista corre com os preparativos da cerimônia que vai oficializar a união de três anos com o também jornalista Miguel Athayde.

Primeiro quero pedir uma reflexão:

Em um País com quase 100 milhões de mulheres, sempre despontar aquelas jornalistas que já passaram pela cama dos diretores ou chefes e influentes será mera coincidência? Verdade, as pessoas perseguiam Patrícia Poeta, que, segundo os bastidores do Jornal Nacional vivia tensa devido às reclamações do “Todo-Poderoso Editor Chefe do Jornal Nacional, que perde audiência a cada dia, sendo a pior de todos os tempos a do último ano (retirado a cobertura da copa do mundo realizada no Brasil, feita por Poeta e Galvão ao Vivo).

2014-11-06 10.42.18Patrícia Poeta X Renata Vasconcelos.

O Marido de Patrícia Poeta já foi gente alta da Rede Globo. Veja: Ainda naquele ano, Amauri Soares foi um dos coordenadores da cobertura da Copa do Mundo dos EUA, quando o Brasil conquistou o tetracampeonato. Após o evento, o jornalista assumiu o cargo de editor do Jornal Nacional em São Paulo. Em seguida, ocupou a função de chefe de reportagem do jornalismo da Globo São Paulo. Entre as coberturas de que participou no período, destaca-se a das eleições presidenciais de 1994. Em agosto de 1995, foi convidado por Evandro Carlos de Andrade, que havia assumido a direção da Central Globo de Jornalismo (CGJ) no mês anterior, para ocupar o cargo de editor-chefe do Jornal Nacional.

A questão é que o Tempo passou e hoje tem mais prestígio do que o marido Renata Vasconcelos. Também coincidência? Também é coincidência o fato de o Homem com quem Renata Vasconcelos se casará ser diretor de jornalismo da Globo?

Mas e a Esposa de William Bonner?- Fátima Bernardes…

Veja, Fátima Bernardes somente veio para o Jornal nacional formar a “Dupla dos Sonhos” após se casar com ninguém menos que o editor-Chefe do jornal nacional William Bonner. Isso pode ser facilmente atestado por qualquer um visitando a Wikipédia. Ah, engana-se quem credita a saída de Fátima a qualquer fato que não seja o de “Não Suportar o Marido, William Bonner, Editor – Chefe do Jornal Nacional. Extremamente áspero e grosseiro, Fátima se viu em uma bifurcação:

1- Saía do jornal Nacional e mantinha-se casada com William Bonner.

2- Divorciava-se de William Bonner e também acabaria sendo deposta do Jornal Nacional.

ESFEMELYDos Fatos:

William Bonner estava nervosinho no lançamento da programação 2013 da Globo. Estava dramático também… Disse para a imprensa que uma colunista o separou três vezes de Fátima Bernardes. Não foram três vezes, não, replicou uma reportes, que afirmou ser uma única vez. Pelo menos a crise conjugal que se tornou pública. A gota d’água aconteceu quando Fátima (essa sim, querida por todos na Globo) foi à sala de um dos diretores para dizer que não aguentava mais fazer o Jornal Nacional ao lado de seu tenso marido sempre nervoso, tenso e estressado. Lembra?

Retomando o casamento de Renata Vasconcelos…

“Vai ser uma cerimônia bem íntima no próximo final de semana, na casa dela no Leblon, só mesmo para família. Eles não chamaram ninguém para não ter aquela coisa de chamar um e não convidar o outro e aí criar um mal-estar desnecessário entre os amigos”, contou uma pessoa próxima de Renata.

O casamento com o diretor de jornalismo da Globo Rio é o segundo de Renata Vasconcellos. Durante 16 anos, ela foi casada com o empresário Harold Mac Dowell, de quem se separou no final de 2010. Ela é mãe de Antônio, de 15 anos e Miguel, de 13 anos. Miguel Athayde tem um filho de 10 anos da sua primeira união.

Estreia no “Jornal Nacional”

Renata Vasconcellos estreou como apresentadora titular do “Jornal Nacional, ao lado de William Bonner, nesta segunda-feira, com a segurança e desenvoltura de quem tem cerca de 20 anos de jornalismo e ganhou elogios dos telespectadores. Renata acumula também a função de editora-executiva do telejornal – Bonner é o editor-chefe.

Experiente nas bancadas de telejornais da Globo News e no “Bom Dia Brasil”, da TV Globo, Renata apresentou seu primeiro “JN” alternando sorrisos e seriedade, falando pausadamente e sem cometer deslizes. Entre os comentários do público nas redes sociais, repetiram-se elogios como “tem classe”, “é bonita” e “fala suave”.

Finalizo esse post, mais uma vez agradecendo ao Supervisor geral de Conteúdo que, mesmo sendo pessoalmente contra revelações como as que foram mostradas, pois acima, não se trata de fofocas, mas de Fatos concretos, reais e possíveis de ser atestado e provado. Enfatizo a Liberdade que todos temos e autonomia para falar a verdade. Esse é o Pressuposto do Pool de Blogs e Sites que formam a YOU AND I e a Brasil Lyzzy Innovator. Tudo postado nos Blogs oficiais e sites tem obrigação de ser, o conteúdo, verdadeiro. Com esse argumento foi autorizada minha publicação. Peço a você leitor (a) que curta o Blog, pois não entendo que assuntos como esse sejam prejudiciais às pessoas. Os fatos existem, todos são livres para acreditar no que quiser. Mas creio que mesmo você que acompanha TV, não sabia da Tríplice Coincidência. Curta… Lá embaixo, em curtir… No Facebook…

ES Femely – O Estimulante Sexual da Mulher!

A Mulher Que Vive Sem Desfrutar De Gozos, Orgasmos Intensos, Não Vive, mas tão somente se convence de que Vegetar é o Suficiente!”

” A Mulher não pode se sacrificar de forma tão intensa obrigando-se a fingir gozos e/ou orgasmos. Somente ela sabe o preço a pagar caso não os finja. Seu erro está em se contentar em fingir e não buscar soluções”

” Discutir Machismo ou Feminismo é coisa do passado. Precisa-se dar um tempo às teorias e trabalhar com a prática. As mulheres brasileiras e de todo o mundo não desfrutam do prazer sexual como deveriam. Não se pode atribuir, como no passado, essa dificuldade de sentir prazer somente a fatores psicológicos: um corpo que passa por mudanças hormonais gigantescas em cada ciclo menstrual, ou mudanças significativas ao entrar na menopausa não pode ser compreendido somente sob o aspecto auto-repressivo sexual. É evidente que o equilíbrio orgânico é fundamental, e nenhum produto age tão perfeitamente nesse sentido quanto o ES Femely. É Hora de você mulher sair da condição de vítima e lutar por seus direitos sexuais.esfemely@outlook.com já!

” ES Femely – Estimulante Sexual Feminino atua de forma eficaz no aumento da libido feminina, em sua excitação, facilitando a lubrificação vaginal e

facilitando os caminhos para o prazer”

 Do Mesmo Fabricante do aclamado mundialmente Viril Energy Plus Turbo, o Ultra Viril!

ES Femely- Estimulante Sexual Feminino

Escreva agora para:esfemely@outlook.com

Um Produto com a Credibilidade Brasil Lyzzy

Informações através do site da Empresa:

http://www.brasillyzzy.com.br

Atendentes On-line direto do Site.

Adquira agora!

Por Um Preço Que Você Pode Pagar!

Nº1- Em Vendas

Nº 1 Em Resultados

Através de nosso atendimento on-line dispomos de profissionais capacitados a lhes auxiliar:

Médicos Ginecologistas, Sexólogos, Psicólogas, tudo para trazer de uma vez por todas o prazer sexual à sua vida.

Atendimento também nos telefones ao lado!

Olhe para si; Valorize-se!

Você tem o Dever de se Permitir o Prazer Sexual!

esfemely@outlook.com

ES Femely- Estimulante Sexual Feminino

Um Produto com a Credibilidade Brasil Lyzzy Innovator

Informações através do site da Empresa:

http://www.brasillyzzy.com.br

Para Homens

Para Homens que buscam melhorar a performance Sexual assim como ter o Pênis maior, Mais Grosso e Mais Firme, indiscutivelmente o melhor, o único que confere todos os benefícios que o Homem-Macho deseja é Viril Energy Plus Turbo, podendo você saber absolutamente tudo sobre o mesmo direto do Site da Brasil Lyzzy: http://www.brasillyzzy.com.br , não somente com informações no próprio site mas também através do atendimento on-line. Podes também utilizar-se dos telefones abaixo assim como do e-mail direto: virilenergy@outlook.com

Cama- O que Renata Vasconcelos, Patrícia Poeta e Fátima Bernardes Têm em comum? As três apresentaram e uma delas ainda está na Bancada com o Todo Poderoso Editor Chefe William Bonner. A verdade por detrás dos fatos. Necessito que vocês curtam para que possa publicar mais postagens como essa. Surpreenderá você. Oferecimento: ES Femely- Pelo direito das mulheres terem orgasmos intensos, múltiplos, duplos, infinitos…