Arquivos do Blog

Você é ou não alcoólatra ;uma pessoa co,0 viciada em cocaína, heroína crack? Você bebe porque seu time ganha ou perde e até quando empara de raiva? Seja Homem e vá cuidar da sua mulher senão outrem se aproveitará disso. Se é que isso já não aconteceu. Mas como o corno é o último a saber…

EXCLUSIVO:

Você é ou não alcoólatra ;uma pessoa co,0 viciada em cocaína, heroína crack? Você bebe porque seu time ganha ou perde e até quando empara de raiva? Seja Homem e vá cuidar da sua mulher senão outrem se aproveitará disso. Se é que isso já não aconteceu. Mas como o corno é o último a saber…

Algumas das vodkas mais consumidas no mundo

Segue aqui alguma das Vodkas mais consumidas em todo o planeta!

Vodka Stolichnaya – 500 ml

Origem: Rússia

Bebida composta de destilado alcoólico de cereais. Vodka Premium importada da Rússia, produzida a partir de métodos tradicionais e exclusivos de destilação. É a marca mais vendida no mundo e reconhecida internacionalmente por seu sabor suave e moderadamente encorpado.

http://www.stoli.com/

 

 

 

 

 

 

Vodka CÎROC – 750 ml

Origem: França

Ciroc é a única vodka do mundo produzida à base de uvas nobres. De origem francesa, é uma vodka exclusiva e extremamente sofisticada. Cinco vezes destilada.

Tem um sabor excepcionalmente suave e fresco.

http://www.cirocvodka.com/

 

 

 

 

 

Vodka IMPERIA – 750 ml

Origem: Rússia
A Imperia visa capitalizar a herança tradicional da vodka Russa
O trigo utilizado para sua produção é colhido no inverno, diretamente do solo negro dos estepes Russos.
O processo de criação é bem atípico, pois a Imperia utiliza a água do Lago Ladoga (maior lago da Europa), passa por oito destilações para estabelecer uma ótima prova do material e, por fim é filtrada em carvão e cristais de quartzo para eliminar impurezas.
http://www.russianstandard.com/

Vodka BELVEDERE – 750 ml
Origem: Polônia

Belvedere, a primeira vodka de luxo no mercado brasileiro.

Desde o século XV, as vodkas mais finas do mundo são produzidas por experientes destiladores da Polônia. Belvedere, que significa “bonito de se ver”, é o nome do Palácio Presidencial da Polônia. Um título apropriado para aquela que, talvez, seja a vodka mais suave do mundo.

Belvedere, a primeira vodka de luxo, é elaborada segundo uma tradição de mais de 500 anos e com um único tipo de grão, o centeio dourado Dankowskie, que só se desenvolve na região de Mazovia, na Polônia. E chega ao Brasil em três versões: Pure, Cytrus e Pomarancza através da Moët Hennessy, filial vinhos e destilados do grupo francês LVMH.

www.belvederevodka.com

 

 

 

Vodka ABSOLUT – 1L

Origem Sueca

Absolut é uma marca de vodca sueca fundada em 1879 por L.O. Smith na pequena cidade sueca de Åhus. Revolucionou a fabricação de vodca por meio do processo com: Trigo de inverno selecionado, água da própria fonte e destilação contínua, um processo que remove todas as impurezas da vodka, mantendo o caráter suave e notável pureza, por esta razão a Absolut é uma vodka premium de grande qualidade.

http://www.absolut.com/

 

 

 

Vodka GREY GOOSE – 750 ml
Origem: França

A Vodka Grey Goose é reconhecida mundialmente como uma das melhores marcas do mundo na categoria super premium; recebendo vários prêmios como o do Beverage Testing. Produzida na região de Cognac, França, sua composição reúne os melhores grãos franceses produzidos na cidade de Beauce e água mineral filtrada da fonte Genté. O sabor puro e refinado se deve a seu processo de destilação, que acontece em 5 fases. Cada uma das fases deixa a vodka mais aveludada, suave e refinada. O resultado é um sabor suave, amanteigado e arredondado, que se dissolve na boca, deixando uma lembrança duradoura e perfeita.

http://www.greygoose.com/

 

 

 

Vodka Skyy 90

Origem: EUA

A vodka SKYY foi criada a partir da reivindicação de pessoas que sofriam dores de cabeça após consumirem vodka, devido a umas substâncias utilizadas na produção de algumas diversas.

Agora a SKYY avançou mais um passo em relação às outras, pois lançou no mercado a SKYY90, totalmente livre de impurezas e 100% aprovada por seus consumidores assíduos, produzindo um impressionante, fresco e sabor.

http://www.skyy90.com/

 

 

 

Vodka HANGAR ONE –

Origem: EUA

A Hangar 1 fornece precisamente aquilo que se espera de uma boa vodka: bom corpo, sem impurezas e contém um toque de licor proveniente da destilação de vinhos da Califórnia, o que lhe proporciona um sabor fantástico.

http://www.hangarone.com/

 

 

 

 

Vodka KAUFFMAN LUXURY VINTAGE

Origem: Rússia

Segundo a Christian Navarro “um sucesso”, sommelier das estrelas, diz que a Kauffman Luxury Vintage Vodka oferece uma grande textura e sabor surreal.

A denominação Vintage geralmente aparece apenas em vinho, champanhe e os ocasionais, porém, esta vodka possui tal denominação em razão das técnicas utilizadas em sua produção.

A empresa que produz a Kauffman Luxury Vintage Vodka procura inovar o sabor da vodka clássica com muito requinte, elegância e acima de tudo “sabor inigualável”.

Postado por r.z às 10:58 Nenhum comentário:

Um pouco da histótia de uma das bebidas destiladas mais apreciadas do mundo!

Vodka é uma bebiba destilada quase incolor e sem sabor, (existem fabricantes que produzem vodkas com sabores), possue teor alcoolíco entre 35% e 60%, sua origem ainda é um dilema, Rússia ou Polônia!
O processo de fabricação da vodka é o mesmo que o do uísque, mas enquanto que este é destilado a baixas temperaturas, o que dá o sabor a cereais, a vodka é destilada a altas temperaturas e depois submetida a filtragens químicas para neutralizar os aromas dos cereais.
Alguns tipos de vodkas:
Ocidental – prima pela pureza e claridade, possuindo aroma neutro e um sabor de álcool limpo combinado à suavidade. As técnicas de produção levaram a uma vodca com mínimas quantidades de resíduos aromáticos e de sabor;
Polonês – é caracterizada pela pureza, mas cria uma vodca de sabor e aroma mais acentuados. Possui um discreto aroma adocicado e um paladar suave, onde o sabor adocicado demora a desaparecer. São ligeiramente mais oleosas;
Russo – bebidas muito suaves de sabor marcante e agradável, marcado por uma sensação de queimação depois de ingeridas.
Consumo: Por ser uma bebida de alto teor alcoolíco, a vodka tem o seu maior consumo em países com o clima muito frio. Nesses países ela é consumida pura, já no restante do mundo, onde também é bem apreciada, o seu consumo também é feito a partir de misturas, seja com frutas ou outras bebidas!
Para degustar e sentir todas as senssações que uma boa vodka proporciona, ela deverá ser servida bem fria, em copos pequenos e específicos.

Álcool engorda! – Conheça as Bebidas Menos Calóricas

Pensar em dieta nos remete a lembrar da salada, dos cereais, da carne magra, do suco natural, e a bebida alcoólica fica no fim da lista da preocupação diária. Isto acontece tanto porque a maioria das pessoas não bebe todos os dias, quanto porque há uma leve impressão de que o que tomamos pode ser menos importante do que aquilo que comemos, por ser o de menos quantidade. Enquanto a maior parte da atenção está em 4kcal/g de carboidrato e 9kcal/g de gordura, a dose de álcool faz passar batido 7kcal/g. Aquela festa, uma simples social, ou o barzinho, pode acrescentar alguns números a menos no peso perdido durante a semana. A bebida tem seu lado bom e também o ruim, saber o quê beber é essencial para que o momento de descontração não pese, literalmente, na balança, ou na cabeça, no dia seguinte, se é que você me entende… Beba e engorde com moderação.

O quê beber?

alcool engorda mesmo

Caipirinha e Caipifruta de Kiwi

É fato que quanto maior o teor de álcool de uma bebida, mais ela será calórica. Porém, é preciso considerar as misturas que se fazem com elas, e também a quantidade que se toma. Um exemplo de armadilha é a cerveja. Uma das bebidas mais acessíveis, a cerveja também é uma das menos calóricas, porém tomadas em maior quantidade. Já uma bebida mais forte que é tomada em menos quantidade, pode engordar menos. Existe uma expressão famosa que diz: “vodca não engorda”. Na verdade engorda, porém, menos. O rumo da prosa muda quando adicionamos à vodca um suco de limão, refrigerante, ou energético por exemplo.

Uma caipirinha feita com vodca tem aproximadamente 120 kcal, enquanto a cerveja e o chopp, são respectivamente (350ml) 147kcal e 180kcal. As misturas mais populares podem ser uma das mais calóricas. A mistura vodca com energético possui 210kcal, e o Uísque com água de coco fica 184kcal.

Lembrando sempre que caloria e quantidade andam juntas; atenção ao cardápio:

Bebidas principais:

Pinga (1/2 copo de 100 ml): 231 calorias
Batidas (1/2 copo de 100 ml): 251 calorias
Cerveja (1 lata de 350 ml): 147 calorias
Champagne (1 taça de 125 ml): 85 calorias
Chopp (300 ml): 180 calorias
Vinho tinto (100 ml): 65 calorias
Vodka (30 ml): 72 calorias
Uísque (100 ml): 240 calorias
Tequila (100ml): 220 calorias

Dados: Hypescience.com, saúde.terra.com
Bebidas acrescidas:

Suco de limão (180 ml): 9 cal
Suco de tomate (com 1 limão): 27 cal
Copo de suco de abacaxi (240 ml – 2 fatias): 100 cal
Energético (150 ml): 66 cal
Copo de suco de laranja (240 – com 2 laranjas e meia): 135 cal
Refrigerante de Guaraná (180 ml): 63 calorias
Refrigerante de Limão, Sprite (180ml): 63 calorias
Refrigerante de jaranja, Fanta (180ml): 97,2 calorias
Água-de-coco, Socôco (100ml): 20 calorias

Dados: bancodesaude.com, Hypescience.com

Beber com Moderação faz Bem

Vinho faz bem à Saúde

Você provavelmente já ouviu falar que vinho tinto faz bem para o coração. Pois bem, o vinho é antioxidante, devido a uma substância chamada de flavonóides, que ajuda na absorção de vitamina C. Além da ação antioxidante, a substância pode ser anti-inflamatória, antialérgica e anti-hemorrágica.

As outras bebidas alcoólicas também possuem seu lado bom para o organismo. O álcool diminui o acúmulo de gordura nas artérias. Ele ativa a produção do bom colesterol (HDL), combatendo o mau colesterol (LDL), o qual se acumula, esta ação melhora o fluxo sanguíneo. Porém, para que aquela dose faça bem completamente, esse álcool no sangue deve ser moderado. Segundo a revista Men’s Health, o valor máximo considerado moderado para ingerir é de duas latas de cerveja, duas taças de vinho ou duas doses de destilado por dia, a escolha é sua.

 

 

Bebida Alcoólica: é uma droga ou não?

Jovens bebendoAs bebidas alcoólicas iludem os jovens, parecendo ajudá-los a contornar dificuldades de convívio social e inibição. No entanto,aumentam, significativamente, a chance do jovem optar por algum comportamento de risco. Entre os adolescentes, a bebida diminui a possibilidade de sexo seguro, o que pode levar à gravidez não-planejada e contaminação por HIV e outras Doenças Sexualmente Transmissíveis. Além destes riscos, quanto mais cedo um jovem começa a beber, maiores são as chances de vir atornar-se um adulto alcoólatra. O álcool é uma droga lícita, ou seja, élegalmente comercializada. Apesar de menores de 18 anos não poderem, por lei, comprar nenhum tipo de bebida alcoólica, muitos jovens bebem seja em casa ou na rua.

O álcool é uma substância que causa a dependência chamada popularmente de alcoolismo, razão pela qual é incluído em todas as relações de drogas. No mundo, “a doença causada pelo álcool“ preocupa enormemente os sistemas de saúde, estimando-se que o número de dependentes esteja entre 10% e 15% da população mundial. No Estado de São Paulo, por exemplo, pelo menos 1 milhão de pessoas sofrem desse mal. Muitas pessoas têm uma idéia formada do que vem a ser alcoolismo, ficando claro que o ser humano que vive nas ruas, de bar em bar, afastado da família e que um dia passou a sofrer de cirrose (degeneração do fígado) é um dependente do álcool. No entanto, muitos outros dependentes descrevem o seu uso como “social“. O que é então o alcoolismo? Quais os riscos e as conseqüências de beber exageradamente? Quem é alcoolista? Como é possível um dependente se recuperar?

Os fatos

A palavra alcoolismo é conhecida de todos. São poucos, porém, que sabem exatamente o seu significado. Portanto, vamos lá.

O alcoolismo, também conhecido como “síndrome da dependência do álcool“, é uma doença caracterizada pelos seguintes elementos:

Compulsão: uma necessidade forte ou desejo incontrolável de beber;
Perda de controle: a inabilidade freqüente de parar de beber, uma vez que a pessoa já começou;
Dependência física: a ocorrência de sintomas de abstinência, como náusea, suor, tremores e ansiedade, quando se pára de beber após um período bebendo muito. Tais sintomas são aliviados bebendo álccol ou tomando outra droga sedativa;
Tolerância: a necessidade de aumentar a quantia de álcool para sentir-se “alto“.
(Nem todos estes problemas precisam ocorrer juntos)

O alcoolismo tem pouco a ver como tipo de álcool que uma pessoa bebe, há quanto tempo a pessoa bebe, ou até mesmo exatamente quanto álcoolbebe. Porém, tem muito a ver com a necessidade incontrolávelde álcool. Esta descrição do alcoolismo nos ajuda a entender porque a maioria dos dependentes de álcool não consegue se valer só de “força de vontade“ para parar de beber. Estas pessoas estão sob a forte compulsão do álcool, uma necessidade que se mostra tão forte quanto a sede ou a fome.

O que é o abuso de álcool?

O abuso de álcool é diferente do alcoolismo porque não inclui uma vontade incontrolável de beber, perda do controle ou dependência física. E ainda o abuso de álcool tem menos chances de incluir tolerância do que o alcoolismo ( a necessidade de aumentar as quantias de álcool para ficar “alto“).

Quais os sinais do problema?

Como descobrir se você – ou alguém próximo -tem algum problema com a bebida? Responda às quatro perguntas a seguire tente descobrir. (para ajudar a lembrar estas perguntas, note que a primeira letra da palavra chave em cada uma das perguntas formam a palavra “DICA“)

Você já sentiu que deveria Diminuir a bebida?
As pessoas já te Irritaram quando criticaram sua bebida?
Você já sentiu mal ou Culpado a respeito de sua bebida?
Você já tomou bebida alcóolica pela manhã para “aquecer“ os nervos ou para se livrar de uma ressaca (Abridor de olhos)?
Apenas um “sim“ sugere um possível problema. Em qualquer dos casos, é importante ir ao médico ou outro profissional da área de saúde imediatamente para discutir suas respostas. Eles podemajudar a determinar se você tem ou não um problema com a bebida, e, se você tiver, poderão recomendar a melhor atitude aser tomada.

E mesmo que você tenha respondido um “não“ a todas as perguntas, se você se depara com problemas relacionados ao álcool em seu trabalho, relacionamentos, saúde ou com a lei,deve procurar ajuda profissional. Os efeitos do álcool podem ser muito sérios e até fatais, tanto para você quanto para outros.

A decisão de pedir ajuda

Reconhecer que se precisa de ajuda para um problema com álcool talvez não seja fácil. Porém, tenha em mente que, o quanto antes vier a ajuda, melhores serão as chances de uma recuperação bem sucedida.

Qualquer relutância que você sinta em discutir sobre a sua bebida com seu profissional de saúde pode reforçar muitos preconceitos sobre o alcoolismo e os dependentes de álcool. Em nossa sociedade, o mitode que um problema com álcool é sinal de fraqueza moral prevalece. Como resultado disto, você pode até achar que procurar ajuda é admitir algum tipo de defeito que você deveria se envergonhar. Contudo, o alcoolismo não é uma doença que indique maior fraqueza que o diabetes ou a asma. E ainda, identificar um possível problema com álcool tem uma compensação enorme, uma chance de viver com mais saúde.

Quando você fora seu médico, elefará uma série de perguntas sobre o seu uso de álcool para determinar se você está ou não tendo problemas por causa do álcool. Tente ser o mais completo e honesto possível. Você também pode passar por exames físicos. Se o médico concluir que você é dependente de álcool, ele deve recomendar que você se dirija a um especialista para diagnosticar e tratar o alcoolismo. Você deverá tomar decisões e deverá entender tudo sobre a necessidade do tratamento e as formas de tratar a dependência.

Tratando-se

A natureza do tratamento depende da gravidade do alcoolismo do indivíduo e dos recursos disponíveis na comunidade. O tratamento pode incluir a desintoxicação (o processo de retirar o álcool do sistema de uma pessoa com segurança); tomar medicamentos receitados pelo médico para ajudar a evitar o retorno à bebida, uma vez que já parou; e aconselhamento individual e/ou em grupo. Há tipos de aconselhamentos promissores que ensinam a recuperar dependentes de álcool e a identificar situações e sentimentos que levam à necessidade de beber e de descobrir novas maneiras de lidar com a ausência do álcool. Quaisquer destes tratamentos podem ocorrer tanto em um hospital, como emsua própriaresidência ou aindaambulatorial (o paciente fica em sua casa e vai às consultas, até todos os dias).

Como o envolvimento com a família é importante para a recuperação, muitos programas oferecem aconselhamento conjugal e terapia familiar como parte do processo de tratamento. Alguns programas podem oferecer para o dependente recursos vitais da comunidade como a assistência legal, treinamento de trabalho, creche e aulas para pais.

Alcoólicos Anônimos

Quase todos os programas de tratamento do alcoolismo também incluem encontros de Alcóolicos Anônimos (AA), cuja descrição é “uma comunidade mundial de homens e mulheres que se ajudam a ficarem sóbrios“. Enquanto o AA é geralmente reconhecido como um programa eficiente de auto-ajuda para recuperar dependentes de álcool, nem todas as pessoas respondem positivamente ao estilo e mensagens do AA, e outras abordagens podem estar disponíveis. Até mesmo, os que vêm conseguindo ajuda pelo AA geralmente descobrem que a recuperação funciona melhor com outros tratamentos juntos, inclusive aconselhamento e tratamento médico.

O Alcoolismo pode ser curado?

Embora o alcoolismo seja uma doença tratável, ainda não há cura. Isto significa que mesmo que um dependente de álcool esteja sóbrio por muito tempo e tenha sua saúde de volta, ele ainda está suscetível a recaídas e deve continuarevitando todas as bebidas alcóolicas. “Reduzir“ não adianta; parar é necessário para uma recuperação bem sucedida.

Contudo, até indivíduos determinados a ficarem sóbrios podem ter recaídas, antes de chegar à sobriedade de longo prazo. Recaídas são muito comuns e não significam que uma pessoa fracassou ou não possa eventualmente se recuperar do alcoolismo. Tenha em mente também que todo dia que um dependente do álcool fica sóbrio antes de uma recaída é extremamente valioso, tanto para o indivíduo quanto para sua família. Se ocorrer uma recaída, é muito importante tentar parar de beber de novo e obter o apoio necessário para não beber mais. A recaída, na maioria das vezes,não destrói as conquistas que ocorreram durante a abstinência.

Ajuda ao abuso do álcool

Se o seu médico determinar que você não é dependente de álcool, mas está envolvido em um padrão de abuso de álcool, ele pode ajudá-lo:

Examine os benefícios de parar de beber e o risco de continuar bebendo;
Estabeleça uma meta de bebida para você mesmo. Algumas pessoas se abstêm do álcool, enquanto outras preferem limitar as quantidades bebidas;
Examine as situações que desencadeiam seus padrões não saudáveis de bebida, e desenvolva novas formas de lidar com situações de modo a manter suas metas em relação à bebida.
Algumas pessoas que pararam de beber depois de terem tido problemas relacionados ao álcool freqüentam os AA para obter informação e apoio, mesmo não sendo dependentes.

Você homem e/ ou você mulher, gosta de tê-lo, vê-lo grande, Grosso e no limite do extremo. Essa é a verdade. Ou você quer a verdade de psicólogos que falam o que você quer ouvir por você pagar-lhe seu sustento?

Visite o Site: http://www.brasillyzzy.com.br

SAC: sacbrasillyzzy@outlook.com

WhatsApp: (85) 8874-8787

Telefones para contato:

(85) 9915-5599

(85) 9270-8928

(85) 4102-5608

O Feio está na forma com que você enxerga a sexualidade permitindo-se ou não o prazer sexual. Com orgasmos intensos e frequentes você eliminará o Stress, problemas pequenos supervalorizados por você, e queimará muitas calorias.

 

 

 

 

 

 

 

virienergy@outlook.com

85 8874-8787

Thammy Miranda, filha de Gretchen, diz que retirou os seios porque a incomodávamos sinto feliz!” Thamy é um caso típico de transexualismo, apesar de ter o corpo de mulher, sua cabeça é de um homem. Julguemos menos, Não nos custa nada. Aqui Você encontrará tudo sobre o que é ser um transexual. Oferecimento: Viril Energy Plus Turbo- O Ultra Viril

2014-12-16 12.36.46Ainda em recuperação, Thammy Miranda contou detalhes sobre a cirurgia realizada para a retirada de seus seios, há cerca de dez dias, no Hospital São Luiz, em São Paulo. A atriz, que é homossexual, contou que sentiu muita dor após a operação. Além disso, aproveitou a ocasião para também fazer lipoaspiração no abdômen. “Fiz uma mamoplastia redutora e também aproveitei que estaria lá e fiz uma lipoaspiração na barriga.

Foi uma operação de mais ou menos cinco horas, mas foi tranquila. O pós-cirúrgico foi bastante dolorido. Eu fiquei com um dreno no peito. Só retirei ele essa semana e agora que as coisas começaram a melhorar. Comecei as sessões de drenagem e daqui pra frente é vida normal. Já terminei os antibióticos que estava tomando. Terei que ficar 30 dias com cinta modeladora e aguardar a total cicatrização, que por enquanto está ocorrendo de forma bem bacana”, relatou ao “Ego”.

A filha de Gretchen confessou ainda que tomou a decisão de se submeter aos procedimentos cirúrgicos por não se sentir completamente feliz com o corpo.”Eu iniciei a minha carreira dançando com a minha mãe e sendo completamente feminina. Mas nunca foi a forma que eu me sentia bem. Você ser transexual é realmente estar num corpo errado. Isso requer um tempo pra você entender e saber o que está acontecendo, não é tão fácil e tão simples”, explicou.

E acrescentou: “Talvez se na minha infância, quando eu queria andar de bermudão, cortar o cabelo e fazer coisas de menino, minha mãe e meu pai tivessem percebido e entendido, talvez eu não tivesse sofrido tudo isso e não estaria passando por uma cirurgia agora, aos 32 anos. Talvez eu já estaria vivendo como um menino há um tempo. Mas enfim, foi assim que aconteceu.

A artista disse que os seios eram um incômodo e que, apesar das dores, ela está gostando do resultado. “Estou bem satisfeita agora, não pretendo mudar mais nada. Me incomodava e hoje me sinto feliz. Ao contrário do que dizem, não quero virar um macho e colocar um pinto também. Não vou colocar órgão sexual masculino”. Thammy parou com as cirurgias para mudar o corpo, mas alertou que pode voltar ao centro cirúrgico, caso sinta necessidade no futuro. “Sociedade nenhuma vai impor o que eu devo fazer ou não. O que impõe é o meu bem-estar e a minha felicidade”, completou.

 

2014-12-16 12.45.10

Tratando do transexualismo com veracidade, a autora demonstra haver bem mais que mera exclusão social. Ao caracterizar como ofensa à dignidade dos transexuais a ausência de legislação específica, pois, é fator impeditivo ao exercício de alguns direitos.

AVE BRASILHá, sabidamente, defesa normativa conforme se verifica no artigo 13 do Código Civil de 2002, que proíbe ao indivíduo que faça disposições do próprio corpo, quando isto importar em diminuição permanente da integridade física, ou contrariar os bons costumes, salvo por exigência médica.
Assim, com severidade, a nova lei proíbe, por exemplo, todos os atos de disposição do corpo, mediante pagamento, e que reduzam a integridade física do indivíduo ou que contrariem os bons costumes, o moral ou a decência, tendo uma proteção direcionada mais precisamente à comercialização de órgãos.
No entanto, precisamos, a priori, compreender qual é o exato significado que o legislador emprestou ao termo: “bons costumes”, e ainda, contemplar qual a extensão contida na restrição que o artigo 13. Que acaba por sugerir que sejam evitadas intervenções cirúrgicas de mero cunho estético, ou com o fito de coibir a alteração do sexo, bem como a mudança do registro civil para aqueles que tenham realizado tal cirurgia, muitas delas no exterior.
Subsiste para nós, a realidade de que ainda há muita controvérsia sobre o “direito” de mudança do prenome àqueles que se submetem ou já se submeteram a tal cirurgia, em que ocorre uma inversão da identidade psico-social, derivada da liberdade de expressão do potencial sexual por cada um de nós desenvolvido.
A questão do transexualismo, de pronto, nos remete a algumas indagações: A ausência de legislação específica não implica em abstenção de tutela estatal? E, a ausência de tutela jurídica não resulta em limitação à Integridade existencial? E, estar privado de inteireza não retrata diminuição do indivíduo? E não é sabido, que toda diminuição do indivíduo resulta em ofensa à dignidade [1] humana? Por fim, não está expresso na Constituição Federal o zelo estatal pela dignidade humana? Pois é…! Deixemos de lado, por ora, estas questões, embora, permaneçam ávidas por respostas.
Em 1997, durante o XV Congresso Mundial de Sexologia, ocorrido em Hong Kong (CHINA), entre 23 e 27 de agosto, a Assembléia Geral da WAS – (World Association for Sexology), aprovou as emendas para a Declaração de Direitos Sexuais, decidida em Valência, no XIII Congresso Mundial de Sexologia, e assim, definiu-se:
“Sexualidade é uma parte integral da personalidade de todo ser humano. O desenvolvimento total depende da satisfação de necessidades humanas básicas, como desejo de contato, intimidade, expressão emocional, prazer, carinho, amor. AVE BRASILSexualidade é construída através da interação entre os indivíduos e as estruturas sociais. O total desenvolvimento da sexualidade é essencial para o desenvolvimento individual, interpessoal e social” – “Os direitos sexuais são direitos humanos universais baseados na liberdade inerente à dignidade e igualdade para todos os seres. Saúde sexual é um direito fundamental, então, e por esta razão, saúde sexual deve ser um direito humano básico. E para assegurarmos que todos os seres humanos e a sociedade desenvolvam uma sexualidade saudável, os direitos sexuais devem ser reconhecidos, promovidos, respeitados, defendidos por todas as sociedades e, de todas as maneiras. Saúde sexual é o resultado de um ambiente que reconhece, respeita e exercita os direitos sexuais”.
Também em 1997, o Conselho Federal de Medicina baixou resolução sob nº 1.482, autorizando cirurgias em transexuais em regime científico e experimental, exigindo prévio diagnóstico e tratamento por dois anos [2]. Todavia, tal resolução foi revogada pela Resolução sob nº 1.652/02, que reitera a medida de autorização às equipes médicas para procederem tais intervenções cirúrgicas desde que haja cumprimento dos critérios éticos, materiais e psíquicos exigidos. [3]
Desde 1995, tramita no Congresso Nacional, o Projeto de Lei 70/95, do deputado José Coimbra (PTB/SP), que altera o Código Penal brasileiro, excluindo a criminalidade típica da lesão corporal nos casos de cirurgia para fins de ablação de órgãos e partes do corpo humano. O mesmo projeto também altera o artigo 58 da Lei 6.015/73, permitindo a mudança do prenome, mediante prévia autorização judicial, nos casos de alteração cirúrgica de sexo.
Embora, modernamente, tantos falem sobre o transexualismo, poucas pessoas compreendem o que este fenômeno que é nomeado pela comunidade médica como “disforia”, realmente representa, e ainda, quais são as conseqüências avassaladoras que exerce sobre a personalidade do indivíduo.
O que é o transexualismo? O Doutor Magnus Hirshfield introduziu o termo “transexual” em 1924 para designar o indivíduo em que ocorre uma distinção sexual entre a mente e o corpo, porque a mente e o corpo possuem sexos opostos, ou seja, a pessoa tem um “sexo biológico” e outro “psíquico”. Posteriormente, o endocrinologista Harry Benjamin usou o termo em um artigo (1954) para o Jornal Americano de Psicoterapia [4], porém, foi em 1966, quando publicou o livro “O fenômeno Transexual”, [5] foi que o termo passou a ser difundido e verificado com freqüência na literatura médica. E, neste livro, o Dr. Harry Benjamin, conclui suas pesquisas dizendo: “É evidente que a mente do transexual não pode ser ajustada ao corpo, é lógico e justificável tentar o oposto, ajustar o corpo à mente”. Tempos depois, surgiu no mundo médico uma outra definição, esta também de caráter objetivo, dita pelo Dr. Carles L. Ihlenfeld: “No transexualismo, o indivíduo sente que nasceu com o corpo errado”. [6]
AVE BRASILHoje, por “Transexualismo” entende-se a condição clínica em que se encontra um indivíduo biologicamente normal e, que segundo sua história pessoal e clínica, e segundo o exame psiquiátrico, apresenta sexo psicológico incompatível com a natureza do sexo somático. Portanto um indivíduo que se encontra nesta condição tem uma auto-imagem invertida e, por isso se sente diferente (espécie/gênero), daquilo que fisicamente o representa (sexo/órgão), e isolado por esta disparidade, necessita se afirmar socialmente, inclusive em seu papel sexual, como pertencente ao sexo oposto.
Vimos que o Transexualismo tem sido tratado tão-somente como uma anomalia, embora, hoje esteja bem caracterizada e conhecida, e ainda, claramente distinta de outros fenômenos de intersexualidade, como o homossexualismo e o transvestismo. Entende-se por transexualismo uma inversão da identidade psico-social, e, que conduz a uma neurose reacional obsessivo-compulsiva; que se manifesta pelo desejo de reversão sexual integral. [7]
O Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais, 4ª edição, DSM-IV, da Associação Americana de Psiquiatria, estabelece os seguintes critérios para diagnóstico do transtorno da identidade de gênero (transexualismo): a) Uma forte e persistente identificação com o gênero oposto (não meramente um desejo de obter quaisquer vantagens culturais percebidas pelo fato de ser do sexo oposto). Em adultos, o distúrbio se manifesta por sintomas tais como desejo declarado de ser do sexo oposto, passar freqüentemente por alguém do sexo oposto, desejo de viver ou ser tratado como alguém do sexo oposto ou a convicção de ter os sentimentos e reações típicas do sexo oposto; b) Desconforto persistente com seu sexo ou sentimento de inadequação no papel de gênero deste sexo. Em adultos, o distúrbio manifesta-se por sintomas tais como preocupação em ver-se livre de características sexuais primárias ou secundárias (por exemplo, solicitação de hormônios, cirurgia ou outros procedimentos para alterar fisicamente as características sexuais, com o objetivo de simular o sexo oposto) ou crença de ter nascido com o sexo errado; c) A perturbação não é concomitante com uma condição intersexual física; d) A perturbação causa sofrimento clinicamente significativo ou prejuízo no funcionamento social ou ocupacional ou em outras áreas importantes da vida do indivíduo. [8]
Como é cediço, não há no Direito Positivo brasileiro, norma que autorize a alteração do sexo no registro civil, quando sua necessidade surge não de mero erro ocorrido na lavratura do referido assento, e sim, de uma transmutação sexual, ou seja, por uma compulsão de comportamento diverso do sexo anotado em seu registro. E, desta forma, vemos que, o indivíduo se vê fadado a “ser” aquilo que a definição genética e aparente de seu órgão genital represente para a sociedade. A Jurisprudência recente tem entendido que se trata de anomalia, devendo, portanto, ser respeitada a definição sexual originária. [9]
AVE BRASILMas, as coisas não são e nem podem pautar por critérios tão imediatistas ou, sustentados somente pelas crenças obtidas junto ao senso comum. Muito embora, Jacques Maritain tenha demonstrado que o senso comum, ainda que infracientífico, é mais universal que aqueles advindos das ciências, tendo mesmo um certo valor metafísico, ao passo que alcança o mesmo objetivo passível e possível de ser alcançado também pela metafísica, quando extraímos do cerne deste senso comum uma filosofia primeira, um esboço natural, poderoso e ingênuo, e com isto, observamos que são por ele desenhados os movimentos e instintos espontâneos da razão. [10]
Talvez, por isto, a lei deve acompanhar a evolução social e científica, ainda que coincidentes com o senso comum, pois, que, senão não cumprirá seu papel de sanar os conflitos existentes. John Money e Patrícia Tuccker, nos idos dos anos da década de cinqüenta introduziram um conceito denominado: “Identidade de Gênero”, e a descreveram da seguinte forma:
“Como a identidade genérica se diferencia antes que a criança possa falar sobre ela, se supunha que era inata. Porém, não é assim. Você nasceu com algo que estava preparado para ser mais tarde sua identidade de gênero. O circuito já estava impresso, porém a programação não estava estabelecida, como no caso da linguagem. Sua identidade de gênero não podia diferenciar-se e nem chegar a ser masculina ou feminina sem estímulo social…” [11] (tradução nossa)
Observamos, portanto, na exposição feita por Money e Tuccker, que a obtenção da identidade de gênero não se dá escolhas pessoais, voluntárias, tampouco, exercidas com arbítrio, é sim, uma conseqüência factual, uma realidade individual obtida por estímulos e influências internas, psíquicas e até orgânicas, bem como, pelas externas, ou seja, há uma concomitância de influências, porém, seria absurda a idéia de determinar responsabilidades por esta disparidade entre o gênero físico e o gênero mental. Não existem culpados pelo fenômeno da transexualidade, o que há é um indivíduo que sob um aspecto a mais, se distingue da coletividade comum, porém, sabemos que todo indivíduo é único, e toda individualidade deve ser respeitada. Daí porque, tachar o transexualismo como “anomalia”, data vênia, a jurisprudência neste sentido, nos parece querer doar um sentido mórbido e doentio, quando na verdade, não o é.
Pesquisa recente mostrou que cada um de nós sabe que possui uma porção hormonal (macho) e uma outra (fêmea). Mas, apesar disto, temos a compreensão de nosso próprio gênero, porém, isto significam, que sabemos que apesar de nossos hormônios, somos femininos ou masculinos. Porque isto diz respeito ao nosso modo de sentir, e isto difere e não se confunde com o nosso sexo biológico, porque esta identidade com o gênero pode na ocasião ter pouco ou nada em comum com o sexo biológico do indivíduo. Para a maioria de indivíduos (não-transexuais), estas variações pequenas na identidade absoluta do gênero adicionam o interesse humano a sua personalidade. Tipicamente estes indivíduos não experimentam nenhum imperativo psicológico ou biológico para mudar qualquer coisa. Entretanto, para esse grupo dos indivíduos que são os “transexuais” há algo que nega a habilidade de experimentar seu sentido interno de gênero, porque há disparidade entre o sexo biológico e da identidade do gênero, e isto, é freqüentemente devastador. Sem tratamento, é comum que estes indivíduos vivam suas vidas inteiras em um estado crônico de ansiedade de tornar-se integrado, numa integração íntima e interior, porque envolve corpo e a mente, e ao mesmo passo, influencia na forma em que o indivíduo externa sua personalidade, modificando seu convívio social.
Em termos clínicos, isto é sabido como um estado de disforia; que significa um estado de percepção mental do próprio gênero como diferente do biológico, ou seja, a percepção mental reconhece ao indivíduo um sexo oposto àquele possível de ser visualizado pela anatomia física normal, noutras palavras, o gênero (masculino ou feminino) reconhecido pela mente, não é o mesmo observado fisicamente (genitália). Se a disforia for severa bastante, ou seja, uma condição de percepção permanentemente alterada, os indivíduos podem tornar-se suicidas, em razão de uma compressão crônica a respeito de própria identidade que é incapaz de funcionar em uma maneira normal. Dado a natureza inalterável imprimida pela aparente identidade sexual divergente. [12]
AVE BRASILConscientes de que, o transexualismo é problema psico-biológico enfrentado por uma parcela de indivíduos, e ainda que, por uma parcela pequena da sociedade, e, não pode por isto, sua solução ser considerada insignificante, ou, seu grau de importância ser minimizado. Razão pela qual, deixamos pairar algumas indagações: Estaria a sociedade apta a decidir à qual sexo pertence um indivíduo? A aparência da anatomia genital basta, para a definição do sexo a que nós pertencemos? Estariam os Tribunais diante do cumprimento da estrita legalidade, quando negam ao indivíduo o direito de adequação de seu nome ao sexo obtido por meio cirúrgico?
Resta-nos a certeza de que é preciso que a sociedade aprenda a lidar com o “transexualismo” com naturalidade, com a mesma naturalidade com que ele ocorre. E que isto requer, que o Estado, no que corresponde aos interesses sociais, por meio normativo, ampare este grupo de pessoas, pois, também são credores de direitos individuais e de personalidade. Segundo Antônio Chaves “Lamentavelmente nossas leis, costumes, tradições não têm um mínimo de compreensão, tolerância e consideração para aqueles que a natureza ou a vida criou uma situação esdrúxula, paradoxal, dissonante quanto à perfeição de sua sexualidade, condenando-os inexoravelmente a uma vida miserável dentro do mais aviltante dos ostracismos.” [13]
Desta forma, concluímos, cientes de que uma crise de identidade [14] é só um sintoma, um efeito. Portanto, alerta-nos a causa, que deixa de ser um “problema” individual, passando a ser social e de interesse público, na justa medida em que o “ser” é elemento de composição da sociedade na mesma proporção em que o cidadão é parte integrante do Estado. O que torna a “Identidade” é um processo que visa alcançar a inteireza humana, por isto, implica em reciprocidade e reconhecimento. Resulta em uma relação de “Poder” (existencial), através da qual o ser humano busca histórica e dialeticamente a emancipação, cabendo às normas jurídicas ser o instrumento “meio” passível de efetivamente proporcionar o alcance de tal “fim”.
[1] “… a dignidade se traduz em proteção, elevação e aumento do ser humano. E qualquer forma de violação da dignidade humana se caracteriza como ilícita. E, desta forma, quando comprovada qualquer ofensa à dignidade do indivíduo, esta deve ser entendida e caracterizada como delito, tanto quanto os cometidos contra a honra, e já previstos nos Código Penal brasileiro, artigos 138 “usque” 145, posto que, a definição de crime em seu aspecto material é: “Ato humano que lesa ou expõe a perigo bens juridicamente tutelados […] Reiteradamente, abstrata, a dignidade é um valor intrínseco, porém, representativo da figura humana. Compreendida como um sentimento profundo das conveniências da posição social e o cuidado com que se evita tudo que possa enfraquecer o respeito a que se tem direito”. CARMO, Suzana J. de Oliveira. Cabeça, tronco e membros, mais: dignidade e honra. DireitoNet, São Paulo, 25 fev. 2004. Disponível em:
http://www.direitonet.com.br/artigos/x/14/85/1485/
[2] Preâmbulo da Resolução 1482/97 – CFM – O Conselho Federal de Medicina, no uso das atribuições conferidas pela Lei nº 3.268, de 30 de setembro de 1957, regulamentada pelo Decreto nº 44.045, de 19 de julho de 1958 e, CONSIDERANDO a competência normativa conferida pelo artigo 2º da Resolução CFM nº 1.246/88, combinado ao artigo 2º da Lei nº 3.268/57, que tratam, respectivamente, da expedição de resoluções que complementem o Código de Ética Médica e do zelo pertinente à fiscalização e disciplina do ato médico; CONSIDERANDO ser o paciente transexual portador de desvio psicológico permanente de identidade sexual, com rejeição do fenotipo e tendência à auto mutilação e ou auto-extermínio; CONSIDERANDO que a cirurgia de transformação plástico-reconstrutiva da genitália externa, interna e caracteres sexuais secundários não constitui crime de mutilação previsto no artigo 129 do Código Penal, visto que tem o propósito terapêutico específico de adequar a genitália ao sexo psíquico;CONSIDERANDO a viabilidade técnica para as cirurgias de neocolpovulvoplastia e ou neofaloplastia; CONSIDERANDO o que dispõe o artigo 199 da Constituição Federal, parágrafo quarto, que trata da remoção de órgãos, tecidos e substâncias humanas para fins de transplante, pesquisa e tratamento, bem como o fato de que a transformação da genitália constitui a etapa mais importante no tratamento de transexualismo;CONSIDERANDO que o artigo 42 do Código de Ética Médica veda os procedimentos médicos proibidos em lei, e não há lei que defina a transformação terapêutica da genitália in anima nobili como crime…

Sabe o que é Viril Energy Plus Turbo- O Ultra Viril?

2014-12-16 13.30.41

1°- O que havia no Tradicional Viril Energy Plus Turbo continua a ofercer os mesmos benefícios. Veja:
IMG_3198
AGORA VEJA O QUE FOI ULTRA-TURBINADO PARA VOCÊ!
IMG_3199

Toda Mulher Gosta de um Pênis:
Grande
Grosso
Firme
Duro
Que Demore a Gozar
Gosta de se sentir Desejada
Isso é Viril
Viril Energy Plus Turbo – O Ultra Viril
Acesse agora:
http://www.brasillyzzy.com.br e fale com um de nossos mais de 300 atendentes on-line.
Se Preferes tirar uma dúvida Rápida pelo WhatsApp: (85) 8874-8787
Se Preferes por e-mail:
virilenergy@gmail.com
Prefere SKYPE: SAC BRASIL LYZZY
Ou por quaisquer dos telefones abaixo:

2014-12-11 10.40.47

Depressão levou Padre Marcelo Rossi a perder 60 Kilos. Ele mesmo confessou jamais ter entendido o que era a deoreesao, vindo a conhecê-la bem somente após sofrer da mesma.

Padre Marcelo Rossi conta como superou a depressão.

Para psicanalista padre Marcelo Rossi vive crise existencial e essa se deu quando o mesmo se deparou com a monstruosa estrutura da Igreja Apostólica Romana. Manipularam-no. O padre entregara sua vida à instituição, percebendo ser a mesma, terrível. Apesar de se dizer sozinho, em ostra palavra ele não consegue tapar o buraco vazio em sua alma. Um excelente ser humano, não merecia ter passado o que passos nas mãos da Igreja. Ainda assim, doou um templo construído à Rica Igreja Católica, proprietária de um banco que financia armas de guerra. Intrigante, Não?

O sacerdote abre seu refúgio paulista e revela como venceu a doença

Construída em área que era de seu avô, residência tem um pé direito de 12m.

As vitórias pessoais e profissionais do padre Marcelo Rossi (47) vêm sempre acompanhadas de cifras astronômicas: seu novo CD, O Tempo de Deus, lançado pela Sony, gravadora com a qual mantém contrato, vendeu 1 milhão de cópias um mês depois de lançado. Mas este trabalho, que se soma aos mais de 13 milhões vendidos em 20 anos de evangelização, também é fruto de uma história de superação.

Eleito pelo Vaticano evangelizador moderno, em 2010, o religioso venceu recentemente uma forte depressão, provocada por vários fatores, como a solidão, segundo ele próprio. Por estar mais magro —  em 2009, quando na cadeira de rodas devido a fratura no pé, atingira 128kg e, dois meses atrás, pesava 60kg —, levantou suspeitas entre os fiéis de que tivesse alguma enfermidade grave. “Estou ótimo. Falaram que estava com câncer, diabetes e até aids. Mas tive depressão, da qual já estou curado, sem ter precisado de remédio ou ajuda médica. Deus quis que eu passasse por isso para levar às pessoas este ensinamento, de que todos podemos ter e que precisamos de ajuda para curá-la”, comenta, ao abrir para CARAS o seu refúgio no interior de SP, uma casa construída em um terreno da família, onde moram seus pais, mas que, no futuro, pode virar sua morada fixa, um lugar para descansar.

Pesando atualmente 85kg, o padre acha que está bem para sua altura, de 1,95m. Ele, que é formado em Educação Física, continua aficionado por exercícios, fazendo esteira diariamente e comendo chocolate e sorvete, suas paixões fora da apertada rotina de missas, bênçãos, visitas a hospitais, programas de rádio e TV. E ainda sobra tempo para compor as canções do novo CD e escrever mais um livro, que deve ser lançado em março de 2015, tudo para relatar sua experiência com a depressão.

O que causou a doença?
Não tem uma causa, são várias, que a gente vai somatizando. Desde a morte do meu cachorro, que eu amava muito, até o fato de me sentir isolado, sozinho. Como tive o problema no pé, quando caí da esteira, e tomei muito remédio, o que me inchou, quis emagrecer e adotei uma dieta maluca, radical, em que comia só alface e hambúrguer. Meu peso normal, de 20 anos atrás, é entre 85kg e 90kg, que tenho como meta hoje. Só que não percebi que estava ficando anoréxico. Olhava no espelho e achava que precisava emagrecer mais.

O padre é vaidoso?
Nem um pouco! Não pinto cabelo, olha como está branco! Não sou contra plástica, mas não faço. O padre não deve estar preso a vaidades. Minha única preocupação é com saúde, não estética. Por isso, continuo fazendo meus exercícios, minha esteira.

Qual foi o pior momento?
A sensação de vazio é inexplicável, perdi a alegria de viver. Não falo em suicídio. Mas não conseguia dormir. Nestes momentos difíceis, fui fazendo as músicas do CD e estou em um processo de reeducação, que vou usar no livro, banindo coisas ruins da minha vida. Percebi algo errado ao me ver viciado na globalização, na internet, a qual não sou contra, mas é preciso tomar cuidado e viver somente o real, não o virtual.

Onde buscou a cura?
Na família, que é fundamental, porque é quem identifica a depressão e nos ajuda a percebê-la. E, logicamente, nas orações.

Não acha que se expõe demais ao admitir a depressão?
Deus me permitiu que eu passasse por algo em que eu não acreditava. Achava que era frescura. Não é. No mundo que estamos, criamos uma sociedade ansiosa e com altíssima tendência à depressão. Se as pessoas não pararem para refletir e fazer uma autoanálise, é preciso buscar ajuda médica e tomar remédios, o que não foi meu caso. O Antigo Testamento, em Eclesiásticos, cap. 30, vers. 22 e 24, fala disso: ‘Não entregues tua alma à tristeza, não atormentes a ti mesmo em teus pensamentos. Tem compaixão de tua alma, torna-te agradável a Deus, e se firme; concentra teu coração na santidade, e afasta a tristeza para longe de ti’. Graças a Ele, eu estou curado.

Quais são os seus planos?
Neste ano, o santuário virou paróquia e já está em processo, em Roma, para se tornar catedral. Já passei tudo do meu nome para o da Igreja Católica. E a renda do CD vai para a construção da igreja do santuário, para celebrações menores. Eu me realizo fazendo o que gosto, evangelizando.

alt

Turbofinn Total Sim propicia você emagrecer com verdade, sem falsas promessas e com resultados que você atesta desde o início. Com o efeito sistêmico, presente na maioria dos Tratamentos Naturais Brasil Lyzzy Innovator, ele diminui a sensação de fome, aumenta o gasto calórico, lhes dar energia convertendo gordura mais rapidamente em Glicose, liberando substancias em seu cérebro totalmente naturais como: Serotonina, Dopamina e Noradrenalina. Você sabe… Aqui nada de frases compradas, utilização de artistas pagos. Transparência, verdade, Brasil Lyzzy, melhor em tudo o que faz. Clique em leia mais e saiba mais sobre Turbofinn Total Slim! Clique em Leia mais e fique por dentro!

A Marca Registrada Brasil Lyzzy Innovator é hoje sinônimo de qualidade, eficiência e resultado. Sempre com máxima transparência a Empresa sempre surpreendem seus clientes positivamente, possibilitando-lhe mais do que espera dos mesmos. Assim é quando a Empresa atua na área Fitoterápica para Libido sexual Masculina e feminina, na tríade: Turbofinn Total Slim e Hibiscus Finn Lyzzy, o maior exterminador de radicais de que se tem conhecimento;E Lipocalizer – A Pílula Anti-Barriga e Localizadas. Em todas suas propostas de diversos tratamentos, encarando a realidade com verdade.

Conheça o Turbofinn Total Slim- Seu aliado nos momentos mais difíceis, quando a balança insiste em não ceder, ou você continua no estágio de aumentar o peso.

2014-07-11 13.10.48Como Age Turbofinn Total Slim?

O Turbofinn possui uma ação sistêmica no organismo, devendo as dosagens ser adequadas de acordo com a vida de cada um. Isso se reflete na posologia do Tratamento. Aprioristicamente a posologia padrão é a utilização de uma capsula às 10:00 e outra às 16:00. Todavia, se você incorre nos casos abaixo podes rever esse modo padrão de utilização do Turbo Finn Total Slim.

1°- Se és uma pessoa que alimenta-se em demasia pela manhã, é de bom alvitre que ao abrir os olhos, pelo menos no início, tomar uma cápsula imediatamente.

2°- Se você possui vida noturna, mesmo que esporádica deves antes de sair fazer uso de uma cápsula de Turbofinn Total Slim.

Quer-se deixar claro não ser interesse vender produtos sem acompanhar a evolução de seus cientes. Destarte, acessando o Site: http://www.brasillyzzy.com.br você possui atendimento on-line personalizado, onde é feito um cadastro e lhes passado um código, para que ao ser atendida novamente possa o atendente está rapidamente a par da situação.

Como funciona a Ação Sistêmica e Turbofinn Total Slim?

Ele atua de diversas formas sobreo organismo, simultaneamente:

1°- Diminuirá seu apetite sem, entretanto deixar-lhes de mal humor. Isso se dá porque ele provoca em seu organismo a liberação de Serotonina, Dopamina e Noradrenalina.

2°- Ele conferirá a você maior disposição para as atividades diárias. Mais energia, maior facilidade de transformar a gordura existente no corpo em energia, destarte não terás a sensação de fome absurda.

2014-07-11 23.08.47

Amor: A Mais completa abordagem direta de um sentimento descrito de forma única por cada ser humano. Confira algumas posições sobre o Amor e fascine-se com a conclusão

2014-12-05 11.26.52

De Rômulo soares Albuquerque

o que o amor.

O que é Amor?

IMG_7748 - CopiaAmor é um sentimento de carinho e demonstrações de afeto que se desenvolve entre seres que possuem a capacidade de o demonstrar. O amor motiva a necessidade de proteção e pode se manifestar de diferentes formas: amor materno ou paterno, amor entre irmãos (fraterno), amor físico, amor platônico, amor à vida, amor pela Natureza, amor pelos animais, amor altruísta, amor-próprio, etc.
O amor físico ou Eros representa o amor entre casais, sentimento que envolve uma forte ligação afetiva e, em geral, uma ligação de natureza sexual. É normalmente simbolizado através do desenho de um coração e o cupido é a figura mitológica que personifica o amor.
O amor provoca entusiasmo por algo e interesse em fazer o bem, por exemplo, amor à natureza ou amor aos animais. O amor a Deus demonstra uma ligação de caráter religioso, um sentimento de devoção e adoração. O amor de Deus é conhecido como amor Ágape, que é incondicional, único e impossível de ser descrito com exatidão. O amor a Deus é um mandamento em muitas religiões, não só as cristãs.
Muitas pessoas expressam os seus sentimentos mais profundos através de mensagens de amor, declarações de amor ou poemas de amor, que são compartilhadas com pessoas especiais. O amor também tem um papel social, alimentando outros ações e sentimentos como a solidariedade.
Um
amor proibido acontece quando duas pessoas não podem estar juntas, quando o relacionamento entre elas não é permitido. Um caso de amor proibido é o de Romeu e Julieta, porque as suas famílias eram rivais. Muitas vezes os amores proibidos são os mais almejados.
Amor é um termo popular para designar uma pessoa encantadora, agradável, gentil e simpática. O termo pode ser usado como adjetivo “
a criança é um amor” ou vocativo “amor, estou aqui”.
Existem várias definições e tipos de amor, que são diferentes dependendo das pessoas e circunstâncias.

Veja também:

IMG_7748 - CopiaAmor platônico
Amor platônico é qualquer tipo de relação afetuosa ou idealizada em que se abstrai o elemento sexual, por vários gêneros diferentes, como em um caso de amizade pura, entre duas pessoas.

Amor platônico também pode ser um amor impossível, difícil ou que não é correspondido. Muitas vezes uma pessoa tem um amor platônico e nunca tenta sair dessa fase porque tem medo de se machucar ou medo de verificar que as suas fantasias e expectativas não correspondem à realidade.

O termo amor “platonicus” foi usado pela primeira vez pelo filósofo neoplatônico florentino Marsilio Ficino no século XV, como um sinônimo de amor socrático. As duas expressões dizem respeito a um amor focado na beleza do caráter e na inteligência de uma pessoa, e não no seu aspeto físico. A expressão viu o seu conceito mudar graças à obra de Sr. William Davenant, “Platonic Lovers” (Amantes Platônicos – 1636), onde o poeta inglês se refere ao amor como é retratado no Simpósio de Platão, que afirma que o amor é a raiz de todas as virtudes e da verdade.

Para o filósofo grego Platão, o amor era algo essencialmente puro e desprovido de paixões, ao passo em que estas são essencialmente cegas, materiais, efêmeras e falsas. O amor platônico, não se fundamenta num interesse, e sim na virtude. Platão criou também a teoria do mundo das ideias, onde tudo era perfeito e que no mundo real tudo era uma cópia imperfeita desse mundo das ideias. Portanto amor platônico, ou qualquer coisa platônica, se refere a algo que seja perfeito, mas que não existe no mundo real, apenas no mundo das ideias.

IMG_7748 - CopiaO amor platônico é entendido como um amor à distância, que não se aproxima, não toca, não envolve, é feito de fantasias e de idealização, onde o objeto do amor é o ser perfeito, detentor de todas as boas qualidades e sem defeitos.

Amor Verdadeiro:
Amor verdadeiro é aquele onde duas pessoas se amam, independente das situações e problemas que possam viver. O amor verdadeiro é aquele onde nada abala e que resiste a qualquer dificuldade e que o casal se une nos momentos ruins e celebra todos os momentos alegres juntos.

Amor verdadeiro é um tema muito discutido, muitas pessoas duvidam se ele realmente existe. Com a promiscuidade existente, muitas pessoas deixaram de acreditar no amor verdadeiro, e isso geralmente acontece depois de vivenciar experiências ruins, como traição, falta de confiança, humilhação etc.

Alguns afirmam que o amor verdadeiro só acontece quando as duas pessoas têm amor por elas próprias. De igual forma, o amor verdadeiro vai muito além do romantismo e do erotismo, é uma questão de empenho, trabalho, cuidado e um forte compromisso diário.

Muitas pessoas acreditam que “o cada um” constrói seu próprio amor verdadeiro, não existem padrões, existem as qualidades e exigências que fazem cada um feliz, de acordo com suas preferências e vontades.

2014-12-05 11.24.30O amor verdadeiro é diferente da paixão, ele não se concentra em coisas fúteis e pequenas, ele se preocupa com o grande, com os sentimentos, com os benefícios que o relacionamento traz, mas o amor verdadeiro não é necessariamente eterno. Muitas vezes um amor verdadeiro morre quando uma das partes envolvidas quebra a confiança existente.

Muitas vezes o amor verdadeiro está relacionado com temas religiosos ou com Deus, porque quem acredita em Deus, acredita que Ele é a fonte de amor, e demonstra um amor verdadeiro aos seres humanos.

É muito comum encontrar pessoas que sentem uma forte necessidade de encontrar o amor verdadeiro e expressar o amor verdadeiro que sentem por outra pessoa. Hoje em dia, existem várias páginas e comunidades dedicadas ao amor verdadeiro em várias redes sociais como o Facebook, com partilha de fotos e poemas sobre amor verdadeiro.

Nicholas Sparks, escritor americano de vários romances populares afirma: “Finalmente entendi o que significa o verdadeiro amor. Amor quer dizer que você se importa mais com a felicidade da outra pessoa do que a sua própria. Não importa o quão dolorosas sejam as escolhas que você tiver que enfrentar.

Amor fraternal:
Amor fraternal é um sentimento de carinho muito forte, de dedicação, de interesse pela figura do outro, gerando sentimentos positivos e construtivos, podendo até em certos momentos, levar o indivíduo a fazer grandes sacrifícios, que só sería capaz de fazer por ele mesmo.

Geralmente, este sentimento fraternal acontece entre irmãos, que podem ter afinidade sanguínea ou não, e também entre homens e mulheres. É um sentimento de dedicação absoluta, sem qualquer outro interesse, que não seja o fazer o bem, sem jamais desejar algo em troca. Muitas vezes estes sentimentos de afeto que ligam as pessoas, são decorrentes não só de laços familiares, como religiosos ou patrióticos.

O amor fraternal valoriza a confiança mútua, havendo também um perfeito entrosamento entre as pessoas, porque são relacionamentos tranquilos e afetuosos, duradouras e estáveis, profundo e compromissado.

Amor incondicional
Amor incondicional significa amor pleno, completo, absoluto, que não impõe condições ou limites para se amar. Quem ama de forma incondicional não espera nada em troca. O amor está em primeiro lugar.

O amor incondicional é generoso, altruísta e infinito. É o típico “amor de mãe”, que é dado livremente, independente do que recebe de volta.

2014-12-05 11.25.57No relacionamento entre um casal, quem tem amor incondicional ama sem ter razões ou pré-requisitos. Dedica-se totalmente à relação, transformando o amor em uma ação praticada a todo instante, de variadas formas. O conceito é semelhante a amor verdadeiro.

Pelo contrário, o amor condicional requer algum tipo de troca, é finito. O amor é dado apenas com base em determinadas condições (conscientes ou não) satisfeitas pelo companheiro.

Para os cristãos, Deus teve um amor incondicional pela humanidade quando entregou Jesus Cristo, o seu único filho, para ser sacrificado. Deus ama de forma incondicional porque ama a todos. De acordo com a passagem da Bíblia em 1 Coríntios 13:4-7, “o amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha. Não maltrata, não procura seus interesses, não se ira facilmente, não guarda rancor. O amor não se alegra com a injustiça, mas se alegra com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.”

Na perspectiva religiosa também há um apelo para o amor incondicional entre os homens. Para a prática da generosidade e do amor não só ao próximo, mas a todos os seres.

Amor-próprio
O amor-próprio é o amor que as pessoas têm por si mesmas. Muitas vezes as pessoas, por causa de fraquezas antigas, de crises mais recentes, não conseguem defender seus interesses para satisfazer suas necessidades. É um grande tema da psicologia e da psicanálise, já que faz parte do cotidiano dos profissionais destas áreas.

Para ter amor-próprio, não significa que a pessoa deva ter sempre seus desejos satisfeitos, ser egoísta ou pisar nos outros. O amor-próprio faz com que as pessoas ajam positivamente, procurem evitar pensar no passado, quando há tristezas ou mágoas, que procurem sempre lembrar que foi mais uma experiência para poder evoluir, procurando tirar proveito daqueles acontecimentos.

Quem se ama de verdade, procura possuir controle emocional, procura compreender as pessoas, estar sempre, ou a maior parte do tempo, de bem com a vida e esquecer a opinião alheia, não guarda raiva, rancor, está sempre disposto a perdoar e ter coragem, confiança e segurança para recomeçar.

IMG_7748 - CopiaConceito de Verdadeiro Amor no sentido Homem e mulher (sem parentesco)

As definições acima apenas fundamentam os requisitos e pre-requisitos do amor:

1- Não podemos amar alguém sem laços sanguíneos sem que esse também nos ame. As loucuras e dores irracionais que sentimos; podemos chamar de “paixões”

2- O amor Homem e mulher sem laços genéticos provem de um desejo, um querer inexplicável. – Por que? – Simples: Não escolhemos quem amar. Quando amamos outrem é nosso “EU” mais profundo que ama. O que nos completa não, necessariamente deve ser Gal a nós.

3- Para o amor ao próximo verdadeiro necessita-se amar a si mesmo, partindo do pressuposto que esse acontece em sua plenitude somente quando o mesmo é correspondido”

4- Quando se ama outrem a pessoa se cuida, independentemente do outro. É claro que queremos a fidelidade de quem amamos; porem isso não significa que alguém que ame não possa “NÃO TRAIR”, não se vingar.

5- Ao interpretar se outrem nos ama ou não podemos levar a igualdade constitucional como instrumento. O Homem é treinado para caça. Desumanamente aos 12, 13 anos de idade, hoje, batem-lhe nos ombros e dizem: “ E aí, filhão, diz pra ele quantas você comeu?”. Como cobrar segurança em si mesmo do homem com esse tipo de pressão?

6- O amor seria o cuidar, a amizade, intimidade, Cumplicidade que duas pessoas possuem entre si. Sendo indispensável a compreensão e o querer ficar com aquele acima de tudo.

7- A paixão, o tesão, o desejo sexual pode existir sem o amor, mas o amor necessita, como condição para o próprio amor: A paixão, o tesão, o desejo sexual.

8- Por fim, quando se une os sentimentos nobres e não nobres em torno de outrem, o amamos.

2014-12-04 17.43.17“ A Mulher tem fantasias… Qual Mulher pensa em montar em um pênis de 8 cm perdido em um emaranhado de pelos. Olhem para a Indústria e vejam o que elas consomem. Elas gostam sim de pornografia, mas o Pênis deve ser grande e grosso. Já ouviram falar de ator pornô de Pênis pequeno? Por que Será?”- Dispara o Psicólogo Americano Éric Adams.
A atratividade de um homem depende do trio altura, forma do corpo e tamanho do pênis, segundo pesquisa publicada na versão online da revista PNAS, nesta segunda-feira (8).
Na pesquisa, o tamanho do pênis teve um efeito mais forte na atratividade em homens mais altos do que nos mais baixos. Houve ainda um aumento semelhante no efeito positivo tanto para o tamanho do pênis quanto para a forma corporal mais masculina (com ombros mais largos que os quadris). Um pênis maior teve praticamente o mesmo efeito positivo na atração feminina do que um homem mais alto.
Brian Mautz, da Universidade Nacional da Austrália, perguntou-se como o tamanho do pênis interage com traços do corpo que geralmente são considerados atraentes e resolveu fazer a pesquisa.
2014-12-04 17.56.55Usando dados de um grande estudo com homens italianos, os pesquisadores criaram 343 figuras masculinas geradas por computador que variavam de tamanho do pênis, bem como de altura e relação entre ombro e quadril — traços que outras pesquisas já haviam ligado à atratividade e sucesso reprodutivo.
Mautz e sua equipe transformaram as figuras em vídeos curtos e os projetaram, em tamanho real, em uma parede para visualização por 105 mulheres. Cada mulher assistiu a um conjunto aleatório de 53 vídeos e avaliaram a atratividade como potenciais parceiros sexuais em uma escala de 1 a 7.
“A primeira coisa que descobrimos foi que o tamanho do pênis influencia atratividade masculina”, diz Mautz. “Há algumas ressalvas a isso, e a primeira é que a relação não é uma linha reta.” Ao contrário do que se podia imaginar, que a atratividade aumentaria sempre de acordo com o tamanho do pênis, a equipe descobriu que a atração aumenta rapidamente até o comprimento do pênis flácido de 7,6 centímetros e, então, começa a desacelerar.
, “””Um aumento no tamanho do pênis é mais benéfico para os mais altos do que para os mais baixos e com corpo em formato de batata. Por exemplo, um modelo de 1,85 m de altura com pênis de 7 cm de comprimento teve uma pontuação média para atratividade. Para obter essa mesma pontuação, um modelo de 1,7 m precisava de um pênis de cerca de 11 cm de comprimento. Aumente o pênis do mais alto em apenas alguns centímetros que o mais baixo precisa dobrar o tamanho do pênis para manter o mesmo resultado. Em um ponto, os mais baixos não podem mais competir.
Uma das hipóteses para a preferência feminina pelo tamanho maior do órgão sexual masculino pode ser porque eles estão ligados a taxas mais altas de orgasmo feminino e satisfação sexual, o que também explicaria por que o pênis humano é proporcionalmente maior do que os dos nossos primos evolutivos.
Mesmo assim, o estudo conclui que para realmente colher os benefícios de um pênis grande, o homem precisa ser atraente em primeiro lugar. “Se ele não é, nem mesmo o maior pênis do mundo vai lhe fazer muito bem”, diz o pesquisador.

2014-12-04 17.07.32Único Quando a Questão é Sexo Com Vigor!
Sem Promessas! Resultado Comprovado!
Realização Sexual e Pessoal Plena!
Maior Tesão;Totalmente Firme;Ejaculações Fortes,Demora ao Gozar;Tamanho Avantajado; Maior Disposição;Fim do Stress;Fim Da Estafa;Melhora Do Humor;Aumento da Autoestima;
Um Novo Homem!; Uma Nova Vida! Uma Vida Feliz!
Tudo Que Você e Sua Parceira Sempre Sonharam!

O Viril Energy Plus Turbo, age em toda e qualquer disfunção erétil seja por qual for o motivo. Ao contrário de fármacos como Viagra, Levitra, Ciallis, Pramil, meros vasodilatadores, o Viril Energy Plus Turbo age no despertar da Libido, potencializando-a e promovendo melhorias substanciais na vida das pessoas. Além de propiciar resultados superiores, o Viril Energy Plus Turbo não causa dormência cerebral, rubor facial, dentre outros efeitos-colaterais dos fármacos supracitados tendo, ao longo do tempo consequências desastrosas. A falta de um fármaco ou remédio que visasse a cura e não a dependência, levou a Brasil Lyzzy Innovator a investir pesado em pesquisa no ramo dos fitoterápicos, já que sua posição na Cosmética é assegurada.

Benefícios Do Viril Energy Plus Turbo:

1- Facilidade em excitar-se propiciado firmeza extrema ao o Pênis, deixando-o totalmente ereto.

2- Desperta a libido sexual assim como a potencializa devolvendo-lhe a vontade e o desejo sexual pleno. Verdadeira vontade de manter relações sexuais.

3- O Viril Energy Plus Turbo proporciona maior tempo a você até que venhas a ejacular (gozar) aumentando o prazer conferido à parceira e o seu. Literalmente confere ao homem certo controle sobre a hora em que quer gozar.

4- Agentes da fórmula garantem a recuperação mais rápida, as vezes instantânea do homem após o orgasmo, podendo ele excitar-se mesmo antes de retirar o pênis da vagina da mulher. Entretanto na maioria dos relatos o homem necessita de 10 a 15 minutos para excitar-se novamente, excitação com o mesmo querer, desejo, firmeza do pênis quanto a primeira.

Do Tratamento completo:
Duração de 6 meses.
Quanto tempo levarei para sentir os benefícios descritos acima?
A Partir do quinto dia de tratamento os efeitos acima são atestados por você.

O VIRIL ENERGY PLUS TURBO é 100% NATURAL é provado de forma inequívoca resolver o problema masculino sexual, seja ele qual for.

1- Falta de estímulo querer ou desejo sexual.
2-Aumenta a duração do pênis dentro da vagina, estando o mesmo totalmente ereto, quando alcança 100% de seu tamanho e espessura.
3- Melhora do humor e do rendimento profissional e nas relações interpessoais.
4- Mantém a autoestima elevada devido a satisfação consigo mesmo enquanto Homem.
5- Combate o Stress Físico e Emocional.
6- Põe fim à Ejaculação precoce.

A Brasil Lyzzy Innovator adverte: Apesar de ser um produto 100% natural deve o mesmo ser usado para que o ser humano desfrute das relações sexuais plenamente, sem restrição; porém, não é porque após o tratamento você terá disposição e desejo para fazer sexo em três turnos, que você vai sair com três mulheres; isso seria usá-lo para um fim negativo. Desenvolveu-se o melhor produto para enfrentar as piores adversidades e não para torná-lo uma máquina de fazer sexo.

“Psicólogos ou psiquiatras enchem os bolsos para convence-los de que ser broxa, ou no caso da mulher, o prazer sexual é dispensável; mas em casa eles fazem diferente com suas respectivas esposas.

Sexo não é só penetração; é antes de tudo desejo sexual!’
“Não tem essa de mulher compreensiva; Ela aceita uma vez, ou finge aceitar para não deixar o homem pior”
Quando o homem Brocha a mulher conscientemente ou inconscientemente se sente culpada; pouco atraente, não se sente gostosa”
“Toda, toda, sem exceção, toda mulher necessita se sentir gostosa para sua autoestima”
Uma mulher pode ser linda, se frustrada sexualmente completamente infeliz”
“O Homem pode e deve propiciar vários gozos e orgasmos a uma mulher durante uma relação sexual”
Relação Sexual é muito mais que penetração Pênis vagina, coito de qualquer espécie”
“Carícias, carinho, preliminares, há sempre como inovar”
A pessoa obesa tem uma grande dificuldade de se realizar sexualmente, assim como realizar ao parceiro (a). Aceitar isso e buscar enfrentar é a única solução”
“Não tente fazer tudo de uma vez; atropelar as etapas. As delicie no limite. Sinta cada segundo, viva!”
Você pode emagrecer com prazer. Uma atividade sexual frequente aumenta em até o quíntuplo de energia gasta. Uma essa perda ao TURBOFINN e emagreça com prazer”.

Queres Falar Agora com Atendentes On-Line?

http://www.brasillyzzy.com.br

Preferes escrever?

virilenergy@outlook.com

Queres por Whats App?

85 8874-8787

SKYPE?

SAC BRASIL LYZZY

Amor: A Mais completa abordagem direta de um sentimento descrito de forma única por cada ser humano. Confira algumas posições sobre o Amor e fascine-se com a conclusão

Morte e a Busca Pelo Corpo Perfeito. Andressa Urach é mais uma vítima da vontade de espelhar o que não existe: Corpo Perfeito. Para ter as medidas "perfeitas, utilizou-se 200 vezes mais Hidrogel do que o permitido pela ANVISA.

 

De Rômulo Soares Albuquerque

Uma Matéria Exclusiva!

Um Texto Forte!

Realidade já Existente na Maioria das pessoas.

 

A Busca Pelo Corpo Perfeito Inexistente

2014-12-03 11.30.01

Trouxe para mim essa matéria em especial pela profundidade que ela aborda diversos temas em uma história verídica, real, que acontece com a maioria das mulheres e também Homens e Homossexuais que a perfeição na definição do seu corpo espelhado em outro Homem.
Quero começar a abordar o tema alertando nos venderem mentiras. Assim é com quase tudo que nos deparamos. Mas a pior das mentiras é mostrar o que não existe e ser impossível a existência. Se refletirmos com cautela o consumismo de material ligado à mulher ultrapassa os parâmetros reais. Mas o pior é que o que as pessoas veem mas parecem não compreender trata-se de um jogo de mentiras, farsas e ilusões, no qual o objetivo é reter sua atenção.
2014-12-03 11.29.02– O que estou a dizer com tudo Isso?
1°- Não existe mulher com rosto, canelone corpo perfeitos sem antes passarem por milhares de retoques em um editor de fotos. Citarei o mais conhecido de todos: PHOTOSHOP.
2º-Já pensastes no qual se sentirá uma pessoa acima do peso, sabendo que ao perder esse, inexoravelmente ficará mais flácido? Essa pessoa irá raciocinar como? – “Ora, engordei, minha chance de buscar o corpo ideal não existe mais”. Claro, pois o que ela ver em fotos, em beldades não são mulheres reais. Ela se compara ao que não existe.
3°- Às mulheres lindas ao serem referencial para as próprias mulheres a inibem a se despir para o homem pois crer não ser linda, boa, gostosa o suficiente. Vamos, encare a verdade. A Verdade é o único caminho. Digo, reafirmo e sempre ouvirão de mim: “- Sem a Verdade Não Existe Nada, Senão Ilusão.”
4°- Destarte, com as cirurgias pessoas deformam-se, chegam a perder inclusive as características humanas, lembrando seres alienígenas (observe o visual de Michel Jackson antes de morrer e comparem). Aproveitarei esse assunto para o próximo Item.
5°- Quando não nos aceitamos e a todo custo vivemos a praticar a busca da beleza ” Ocidental”, hoje, no Brasil o que mais constatamos é:
1°- A busca incessante por ser loira; seja quem tem os cabelos escuros ou claros. Todos querem o loiro estereotipado.
2°- O cabelo? – Ah, esse, liso perfeito, escovado e pranchado.
3°- O nariz… Fino e afilado – Nunca foi tão alto o número de pessoas com narizes finos.
– Sim, mas é daí, a pessoa não pode querer ser diferente, ter um trauma, por exemplo, ter seios pequenos e os quer maior?
– A questão é que as pessoas não conseguem parar com o sonho da perfeição, pois ela é inatingível. Pesquisas apontam que menos de 3% das mulheres que fizeram algum tipo de procedimento estético, fizeram outros. Essa busca pela perfeição inalcançável sempre deixará a pessoa frustrada. Esquece-se a pessoa, que a beleza atrai, atrai e muito, mas não amamos beleza.
2014-12-03 11.28.00Andessa Urach

Andressa Urach, 27, usou cerca de 200 vezes a quantidade adequada de hidrogel aprovada pela Anvisa.
Segundo o cirurgião plástico Prado Neto, presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o produto químico é indicado para procedimentos reparadores, como por exemplo o preenchimento de uma pequena depressão na face, um “buraquinho” ou cicatriz.
Para esse tipo de preenchimento, são necessários apenas 2 ou 3 ml de hidrogel. Andressa aplicou 400 ml em suas coxas.
É um produto diluído em água, que, quando aplicado toma uma consistência emborrachada. Ele não é confiável para ser usado em grandes quantidades. Aliás, nenhum produto deve ser injetado em tanta quantidade”, condenou o Dr. Prado.
Segundo ele, o órgão condena o uso da substância para preenchimento estético e sempre orienta os profissionais com cartilhas a respeito.
Prado acredita que o procedimento de Andressa foi feito por um “paramédico”, ou seja, pessoas que atuam na área médica sem ter formação adequada, como esteticistas, ou mesmo um cirurgião geral, não especializado em cirurgia plástica.
“É uma coisa absolutamente condenável, assim como o PMMA [metacril]. O metacril, como é chamado, gera da mesma forma problemas sérios de infecção, processo inflamatório e pode evoluir para uma septicemia [infecção generalizada] “.
“Esse tipo de procedimento é realizado por pessoas incompetentes, invasores da medicina“, criticou ele, reiterando que a Lei do Ato Médico, se aprovada, impediria qualquer pessoa sem formação em medicina de realizar procedimentos médicos.

Quero, entretanto, enfatizar que o fato do procedimento está errado é um detalhe, ao contrario do que tentam nos fazer acreditar. Colocam em nossas cabeças musas, playboy, Vídeos sensuais surreais e dizem: “-Ora; tens o livre arbítrio”. Não estou a defender procedimentos médicos ou não, errados. O que busco é proporcionar uma reflexão interna para que não usemos de atitudes descabidas, eivada de egoísmo e não aceitação em nossas vidas. Todos querem ser bonitos. Todos podem ser mais bonitos. Sempre defendo que a mulher deva gastar mais consigo mesma, mantendo-se, assim, sempre perfumada, bem vestida, com um cabelo e pele bem tratados. Quando as mulheres fazem o básico, ficam extraordinárias. Infelizmente a realidade não é essa.

2014-12-03 12.06.05Mulher X Beleza X Cuidado

1- Em um primeiro momento ela, enquanto ainda sem vaidade, pode ou não se levar para obesidade ou excesso de peso infantil. Criou-se a falsa ideia de que criança saudável é a criança “cheia”, e, a mãe, acreditando fazer o melhor a entope de vitaminas.

2- Na fase da adolescência, ela passa a se cuidar. A busca pelo amor de sua vida, por se destacar entre as demais garotas é uma constante.

3- Ao casar a mulher se acomoda, prioriza os filhos e os maridos e esquecem de investir em si mesmas. Resultado logo estará sozinha.

4- Essa é a fase mais dolorida para a mulher. Abandonada ou decidida a não viver uma vida infeliz ela precisa recuperar a autoestima e “recomeçar” a vida, sabendo ela que, em uma sociedade machista como a nossa encontrar alguém que valha a pena é muito complicado.

– Muito bem… Você tem razão. Mas colocar em palavras a realidade e não mostrar caminhos para que as histórias se repitam de maneira cada vez mais frequente é o mesmo que nada.

– Concordo plenamente. Então abaixo está um sucinto Passo a Passo da Autoestima.

1°- Em momento nenhum na vida, por mais triste que esteja, lembre-se que na vida existem fases: as fases tristes, alegres, momentos de depressão, fobias, momentos de adversidades mil. Tenha entretanto a certeza inequívoca que esse sentimento negativo que está em você passará. Destarte não crie para você um outro problema, como se maltratar comendo sem limites para, punindo-se com o sobrepeso, excesso de peso, gordura mórbida.

– Perfeito, adorei, mas para quem já engordou essa assertiva não serve:

– A primeira assertiva é a preventiva. Estou alertando para que não façam o que eu fiz ao ter uma depressão aos Aos  27 anos de idade cheguei a pesar 127 Quilos, para uma altura de 1,75m..

1- Turbofinn Total Slim: O Turbofinn possui tripla ação no combate à obesidade. Ele:

1.1-Suprime o Excesso de apetite liberando energia.2014-12-03 12.05.49

1.3-Proporciona a liberação de Endorfina, Noradrenalina e dopamina no cérebro, substancias essências no combate ao mau humor recorrente em quem diminui a ingestão de alimentos.

2- Hibiscus Finn Lyzzy atua no combate à obesidade das seguintes formas:

2.1- Diminuindo a concentração de gordura no sangue.

2.2-Pondo fim à retenção de líquido pelo organismo.

3.3- Em conjunto com Onlyzzy impedindo que a gordura presente nas fezes seja absorvida.

3- Lipocalizer- A pílula Anti-barriga e Localizadas: Como o próprio nome diz a Lipocalizer atua principalmente na região do abdômen, assim como nas localizadas.

OBS: Erroneamente as pessoas buscam a utilização do Tribulus Terrestris Scientific Femely para a perda de peso. Ele não possui, sobremaneira essa função, mas sim de tonificar a musculatura magra da mulher, propiciando, destarte seios, Bum Bum, Pernas e à própria musculatura da face mais rígida. Se a pessoa com Sobrepeso, faz a ingestão de Tribulus Terrestris Scientific Femely não emagrecerá, mas sim deixará a pele abaixo do tecido adiposo mais rígido.

2°- Você, mãe, pai, neurótico por filhos gordinhos e saudáveis, passe a controlar suas alimentações. Sua função é fazer o melhor para seu filho e não realizar seus desejos inconsequentes.

2014-12-03 11.52.443°- Você, garota, não pense que a vida acabou ou os sacrifícios para se manter bem acabaram por esse fato. Casamento existe para haver divorciados. Lembre-se de que o homem está casando com você e não com você em mutação.

4°- Se queres se espelhar em alguém que ache bonita procure se espelhar em um ser humano real, sem que tenha passado por filtros e diversas edições.

5°- As maiorias das mulheres são belas, porém descuidadas. Muitas vezes vemos alguém e surpreendemos-nos com a mudança em sua fisionomia apenas com a mudança de postura, pois, assim como na informática os pormenores fazem a diferença, também em exaltar a sua lembre-se dos detalhes…

6°- Não incorra no erro de acreditar ser feliz sem desfrutar de orgasmos intensos. A falta de substâncias liberadas em seu corpo pelo orgasmo será, inexoravelmente fará falta para uma vida com autoestima e muita felicidade. Não pense que somente os homens necessitam disso. Ensinaram a não valorizar o prazer sexual. Tente entender que somos animais, necessitamos em nossa essência dele. Busque ajuda, hoje existem produtos fantásticos, simples, como o ES Femely- Estimulante Sexual Feminino, dentre Outros.

 

 Para buscar informações sobre os produtos supramencionados você dispõe da mais vasta equipe e meios de contato para esclarecer-lhes sobre tudo, senão veja:

Informações direto do Site, em tempo real, através de Chat On-Line

 Site: http://www.brasillyzzy.com.br

 Através do WhatsApp: 85 8874-8787

 Através do E-mail:

 sacbrasillyzzy@outlook.com

Através do Skype: SAC BRASIL LYZY

E Claro, também através dos telefones abaixo:

2014-01-30 20.20.20